Pastor e missionário que foi ator da Globo quer voltar a fazer novelas

Ademir Zanyor ficou conhecido por atuar na primeira temporada de "Malhação" em 1995


2 meses atrás | Caio Rangel



Ademir Zanyor (Reprodução)

Há alguns anos o ex-ator da Rede Globo Ademir Zanyor, deixou a sua carreira artística para se dedicar ao evangelho. Atualmente ele é pastor e também missionário.

Ademir ficou conhecido por atuar na primeira temporada de “Malhação” em 1995, ele interpretava professor de natação Israel na trama.

Recentemente, o ator e apresentador  André Marques, ( que atuou com ele na época), publicou em sua conta oficial do Instagram algumas fotos dos bastidores da primeira temporada de Malhação, e Ademir comentou e relembrou os velhos tempos, e revelou que sente vontade de voltar a fazer novelas.

+ Cantor evangélico é investigado por estuprar menino de 11 anos

“Quando vi a foto (abaixo), relembrei vários momentos. Começaram a me mandar mensagens na internet pedindo a minha volta. Recebi ligações da família também. Aí me deu essa vontade. Estou disponível para trabalhar. Quero voltar a me alegrar decorando textos e me concentrando para as cenas. Hoje, estou muito mais maduro, centrado e equilibrado “.

Zanyor, de 46 anos, credita as mudanças à religião. Ele conta que se tornou evangélico depois da morte de uma de suas irmãs, em 1998:

+ Mistério: Jovem é encontrada morta em altar de igreja evangélica

“Minha irmã, na época com 8 anos, descobriu uma leucemia e passou por um transplante de medula óssea. A imunidade ficou muito debilitada e ela não resistiu. Em todas as tentativas religiosas até então, eu não tinha encontrado Jesus. Aconteceu naquele momento de dor. Então, fui aceitando a palavra de Deus na minha vida. Continuei fazendo pequenos trabalhos e participações na TV, mas me dedicando cada vez mais à igreja. Essa passou a ser minha prioridade”. contou o pastor.

Como missionário, Zanyor esteve em Angola e na Bolívia e visitou tribos indígenas no Mato Grosso do Sul. Além disso, também fez evangelismo em presídios, centros de recuperação de dependentes químicos e hospitais, e até participou da fundação de uma igreja

“Eu deixei tudo: meu trabalho, meus pais, meus irmãos, minha casa e até namorada para caminhar com Jesus. E tenho recebido muito como recompensa. Com a morte da minha irmã, nasci para o Evangelho. E, com minha renúncia, tenho feito outras pessoas nascerem para Deus”.

Sobre voltar a atuar e os diversos convites que recebeu para voltar para TV, o pastor fez uma declaração surpreendente:

“Não pude atendê-los por não conseguir conciliar tudo. Mas tenho o desejo de voltar e já atualizei meu cadastro na Globo. Estou preparado, liberado, sem qualquer preconceito. Tenho minha convicção, mas respeito qualquer religião, qualquer pessoa, qualquer orientação sexual. Respeito o livre-arbítrio.”

Além de Malhação, Ademir Zanyor fez novelas como “A viagem”, “Kubanacan” e “Salsa e merengue”, na Globo, e “Fascinação”, no SBT.




publicidade

Mais artigos

“Ela é desviada”, alega pastor que mandou foto do pênis para mulher

O pastor admitiu a queda mas tentou jogar a culpa do seu erro na mulher que está afastada da igreja


Marco Feliciano detona pastor que desfilou na Mangueira

O pastor também afirmou que Jesus se conecta a trans, indígenas e mulheres


Cristo foi representado na Sapucaí? O que dizem os pastores

A escola de samba Mangueira levou a história de Jesus do seu "modo" para Sapucaí


Malu Mader afirma que as igrejas evangélicas estão prejudicando a cultura

A declaração da atriz acabou revoltando a maioria dos evangélicos que definiram como intolerante


Pastor Henrique Viera diz que Jesus foi honrado em desfile da Mangueira

O polêmico pastor foi um das faces de Jesus no desfile da Mangueira no carnaval 2020


Igreja afasta pastor que enviou foto íntima para mulher

O pastor deve passar por medidas de restauração de caráter, com pastores e supervisores


As fake news de Bianca Toledo

Um vídeo publicado pelo canal No Entanto, parceiro de longa data do O Fuxico Gospel, trás uma nova luz a esse caso.


Evangélica irá desfilar na ala do candomblé em escola de samba

A modelo Joyce Salvador de 27 anos, irá integrar a ala com mais 80 jovens carecas representando a iniciação no candomblé


Você viu? Banda gospel Preto no Branco no Carnaval de Salvador

A exemplo do ano passado o grupo fez uma participação no trio elétrico da cantora Claudia Leitte


Evangélica, Denise Dias diz que não vê problema em “nudez” do carnaval

A modelo dispensou convite para desfilar no carnaval mas continua fazendo ensaios sensuais