Senadores aprovam projeto de isenção de impostos para templos religiosos

A votação aconteceu na tarde desta terça-feira


2 semanas atrás | Micael Batista



Bolsonaro e Silas Malafaia

Templos religiosos e entidades beneficentes de assistência social poderão continuar isentos de ICMS até 31 de dezembro de 2032, segundo o entendimento da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Por unanimidade, os senadores aprovaram, nesta terça-feira (26), o projeto que prorroga por mais 15 anos, contados a partir de 2017, a possibilidade de os estados darem isenções, incentivos e benefícios fiscais ou financeiro-fiscais a essas instituições (PLP 55/2019).

A comissão seguiu o voto do relator, o senador Irajá (PSD-TO), favorável à prorrogação. Ele explicou que o PLP muda a Lei Complementar 160, de 2017. Ela estabelece prazos de um a 15 anos para isenções, sendo o mais curto — de um ano — a regra geral, na qual templos e entidades assistenciais foram enquadrados. O prazo máximo é concedido a atividades agropecuárias e industriais e a investimentos em infraestrutura rodoviária, aquaviária, ferroviária, portuária, aeroportuária e de transporte urbano.

“Não há justificativa para que os incentivos voltados para templos e instituições assistenciais tenham sido enquadrados na regra geral, com prazo mais curto”, disse Irajá em seu voto. Ele citou que a Constituição prevê que ações governamentais na área da assistência social serão organizadas de forma descentralizada, cabendo às entidades beneficentes e de assistência social papel essencial na coordenação e execução das atividades. Também reconheceu a importância das entidades religiosas de qualquer culto e das associações beneficentes para a sociedade.

“De fato, esses benefícios eram concedidos a essas entidades com o único intuito de facilitar o seu trabalho”, destacou. A isenção para templos e entidades beneficentes de assistência foi encerrado em 2018.

Irajá esclareceu que o projeto não implica diretamente renúncia de receita, apenas autoriza os estados a firmar convênios sobre incentivos fiscais do ICMS voltados a templos de qualquer culto e a entidades beneficentes de assistência social. De acordo com a autora do projeto, a deputada Clarissa Garotinho (Pros-RJ), “não se trata de nova isenção, mas apenas de renovação daquilo com que elas já contavam antes da lei complementar”.

Os senadores aprovaram o relatório de Irajá sem discussão. Agora o assunto deve ser votado no Plenário do Senado, para onde foi enviado com urgência. Como ele já foi aprovado pela Câmara dos Deputados, se for também aprovado pelos senadores sem alteração substancial, poderá seguir para sanção presidencial.

Fonte: Agência Senado




publicidade

Mais artigos

Márcio Poncio vai de “mal a pior”, veja o histórico do pastor em 2019

Evangélicos mais conservadores não concordam com as atitudes do pastor da Igreja Pentecostal Anabatista


Deputado Abílio rebate Carlos Martins: “anônimo desinformado que quer aparecer”

Abílio afirmou que Martins faltou com respeito e se mostrou desinformado sobre o cristianismo


Saiba quais foram os cantores gospel mais ouvidos no Spotify em 2019

A lista é contém veteranos e contemporâneos, e prova que nem sem o que está na moda é o que se consome mais


Pastor é preso após manter esposa em cárcere privado

O homem teria proibido a esposa de se comunicar com a família, usar o celular, a agredia fisicamente e passou a proibi-la de sair de casa.


Deputado-pastor quer o fim de motéis em áreas urbanas

Pastor Eurico afirma que os estabelecimentos dedicados ao sexo ferem o princípio da moral e dos bons costumes


Com doença grave, Mara Lima canta em praça pública no dia da Bíblia

Ela publicou um trecho de sua participação em suas redes sociais, e foi extremamente elogiada por seguir firme, apesar das dificuldades.


Samuel Mariano afirma que não irá parar de fazer shows para pastorear ADBrás JP

Samuel Mariano irá tomar posse como pastor presidente da ADBrás João Pessoal no próximo dia 10 de dezembro


Saiba porque processo sobre a morte de Anderson do Carmo está parado há um mês

Todas as testemunhas já foram ouvidas, mas ainda falta o depoimento da própria Flordelis


Pastores questionam consagração de Samuel Mariano

O cantor gospel será presidente da Assembleia de Deus em João Pessoa, na Paraíba


Igreja Universal será processada na Angola por forçar pastores a fazerem vasectomia

Mais de 300 bispos da IURD em Angola anunciaram o seu afastamento da direção brasileira e do bispo Edir Macedo