Justiça condena Universal a pagar R$ 200 mil a ex-pastor por força-lo a fazer Vasectomia

O autor que moveu a ação contra a Universal relatou que trabalhou na igreja por cerca de seis anos


Publicado em: 13/08/19 às 10:20 por Caio Rangel | Atualizado em 13/08/2019 às 10:20



Igreja-Universal-(Reprodução)

A Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro condenou a Igreja Universal do Reino de Deus a pagar R$ 200 mil de indenização a um pastor que foi induzido a fazer vasectomia para poder ser consagrado ao ministério pastoral.

O ex-pastor que moveu a ação contra a Universal relatou que trabalhou na igreja por cerca de seis anos. Ele também ressaltou que não a carteira registrada, e foi dispensado sem motivo justo.

De acordo com ele, antes de sua consagração, foi preciso passar por uma rigorosa avaliação moral, financeira, e ainda teve se submeter a uma vasectomia, mesmo sendo solteiro e tendo apenas 28 anos de idade.

+ Henrique Cerqueira, compositor gospel e secular fará show em Salvador

Em sua defesa, a IURD declarou que o ex-pastor foi ungido aos 22 anos, e que só operou aos 28. Também afirmou que o ministério pastoral é por vocação, não tem vínculo empregatício.

Duas testemunhas foram chamadas pelo ex-pastor e uma pela denominação. Uma delas afirmou que a igreja além de orientar os pastores a passarem pela vasectomia, ainda pune aqueles que se negam a fazer o procedimento, reduzindo a possibilidade de promoção ou transferindo o pastor para um local indesejado.

A juíza do Trabalho Glaucia Alves Gomes, atualmente titular da 7ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro (VT/RJ), em exercício na 71ª VT/RJ, entendeu que incentivo à realização de esterilização é inaceitável e que viola princípios básicos de qualquer ser humano.

A juíza também reconheceu o vínculo empregatício do pastor com a denominação, condenando a instituição a pagar as verbas devidas.

+ Intolerância? Evangélico tem casa incendiada enquanto estava na igreja

Em abril desse ano o Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-2) condenou a igreja de Edir Macedo em segunda instância a pagar indenização de R$ 115 mil ao ex-pastor Clarindo de Oliveira. Entretanto, a Igreja Universal do Reino de Deus ainda está tentando recorrer da condenação.

De acordo com a Folha de São Paulo, a igreja acumula na Justiça ações de pastores que foram forçados ou pressionados a fazer vasectomia.




publicidade

Mais artigos

Igreja Universal lançará seu próprio banco digital

O investimento irá render R$ 32 milhões de reais ao mês para igreja


Flordelis sabia de tudo! diz filha que encomendou morte do pastor

O crime havia sido premeditado três meses antes da morte do pastor, que foi assassinado com 30 tiros


Pastor extremamente conservador é preso por abuso contra menor

O pastor foi acusado de tentar abusar sexualmente de um jovem de 16 anos


Urgente! Anderson do Carmo abusava sexualmente da neta, segundo Flordelis

A informação foi passada por uma filha do casal em depoimento à polícia civil


Namoro de Juninho Black com Dra. Fabi Nogueira, chega ao fim

O relacionamento do cantor gospel com a odontologa das estrelas, durou cerca de dois meses apenas


Quem é a filha de Flordelis com quem Anderson do Carmo teve um caso?

A notícia do possível relacionamento da filha de Flordelis com Anderson do Carmo, foi revelada pela mãe do pastor


Vídeo: Ton Carfi quebra o silêncio sobre “cobrança de cachê” nas igrejas

O artista falou sobre o fato de alguns artistas gospel cobrarem cachê para se apresentarem em eventos ou até mesmo em igrejas.


Namorado de Isadora Pompeo ostenta carro de R$5 milhões

O namorado da cantora gospel publicou uma foto de pé sobre o carro que custa milhões


Pastor Silas Malafaia se irrita com ataques a Michelle Bolsonaro; “Cadê as feministas?”

Malafaia chamou de "covarde" a forma com que a imprensa tem mirado Michelle para atacar ao presidente Bolsonaro


Luto: Acidente grave tira vida de pastor famoso, saiba mais

O veículo do pastor se chocou de frente uma carreta que vinha no sentido contrário