Urgente! Polícia pode pedir prisão de Flordelis a qualquer momento

Flordelis agora será investigada sem foro privilegiado. O processo que apura a morte do pastor Anderson do Carmo, segue na primeira instância.


4 meses atrás | Micael Batista



Flordelis

Flordelis, a cantora gospel e pastora evangélica que está na mira de uma investigação criminal que apura a morte do seu esposo, o pastor Anderson do Carmo, morto no dia 16 de Junho, na casa do casal.

Nesta quinta-feira (01), o Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, determinou que as investigações sobre a morte do pastor fossem retomadas. Ele entendeu que a morte de Anderson do Carmo não possui ligação com o mandato de Flordelis.

Diante da notícia de sobrestamento das investigações na origem em decorrência da dúvida acerca da competência para o prosseguimento das investigações, comunique-se, com urgência, o teor da presente decisão ao Juízo da 3ª Vara Criminal da Comarca de Niterói/RJ, para continuidade das investigações“, afirmou o ministro na decisão.

Com a decisão do ministro, Flordelis agora passa a ser investigada pela Polícia Cívil, sem a prerrogativa do foro privilegiado. Para Barroso, “o foro privilegiado constitui instrumento para garantir o livre exercício de certas funções públicas, não havendo sentido em estendê-lo a crimes que, cometidos após a investidura, sejam estranhos ao exercício das respectivas funções”.

+ Bispo Samuel Ferreira retira apoio a Flordelis

Apesar de as investigações estarem em curso, elementos já divulgados à imprensa, apontam que Flordelis pode haver participado do crime, ou em último caso, sabia do plano para matá-lo. No entanto, ainda não foram divulgadas provas que comprovem efetivamente sua participação na morte do pastor.

Uma linha de investigação apura se Anderson do Carmo estava sendo envenenado por Flordelis e algumas filhas do casal.

Sem a prerrogativa do foro privilegiado, a polícia pode pedir a prisão de Flordelis preventivamente, se entender que ela pode atrapalhar as investigações, ou se compreender que ela possui poder econômico para fugir do país.

A assessoria da deputada enviou uma nota à imprensa sobre a decisão do STF.

Leia abaixo a íntegra de nota divulgada pela assessoria da deputada Flordelis.

Em razão da decisão do STF cabe esclarecer que: a) Em nenhum momento a deputada federal Flordelis solicitou ou reivindicou a prerrogativa de não ser investigada pela polícia e pela Justiça. O STF foi provocado pelo Ministério Público, porque a lei assim exige. b) A decisão não surpreendeu a deputada Flordelis, porque ela tem conhecimento que a prerrogativa só seria aplicada se o crime investigado tivesse ocorrido em razão do mandato dela. c) Antes mesmo da decisão, a deputada esteve à disposição da polícia em todos os momentos em que foi solicitada. d) A deputada tem todo o interesse na solução do caso. Ela precisa saber quem foram os autores do crime e as razões que tiveram. Só depois disso ela terá paz.




publicidade

Mais artigos

Netflix é boicotada após filme do Porta dos Fundos com Jesus gay

O filme sugere uma relação homossexual entre Jesus e Satanás e põe Deus, Maria e José como um triângulo amoroso


Troféu Gerando Salvação 2019: Confira a lista dos vencedores

Grandes nomes da música gospel na atualidade estiveram presente no evento


Ex-Tiazinha faz treinamento intensivo de pregação com pastor Ed René

Suzana Alves se converteu há alguns anos e hoje frequenta a igreja Bola de Neve


Marco Feliciano se manifesta sobre expulsão do partido e desmente acusações

Feliciano foi expulso do Podemos nessa segunda-feira (9), depois de uma série de denuncias de corrupção


Em novo vídeo Paxtorzão satiriza coaching gospel

A sátira arrancou gargalhadas dos internautas e os comentários positivos foram uma unanimidade


Evangélicos perdoaram Flordelis?

Lideres religiosos, cantores gospel e até a própria gravadora de Flordelis, MK, parecem tê-la abandonado. 


Pastor Marco Feliciano é expulso do partido acusado de corrupção e assédio

Feliciano também é acusado de ter gasto R$ 157 mil do dinheiro público para fazer um tratamento odontológico


Márcio Poncio vai de “mal a pior”, veja o histórico do pastor em 2019

Evangélicos mais conservadores não concordam com as atitudes do pastor da Igreja Pentecostal Anabatista


Deputado Abílio rebate Carlos Martins: “anônimo desinformado que quer aparecer”

Abílio afirmou que Martins faltou com respeito e se mostrou desinformado sobre o cristianismo


Saiba quais foram os cantores gospel mais ouvidos no Spotify em 2019

A lista é contém veteranos e contemporâneos, e prova que nem sem o que está na moda é o que se consome mais