Depois de João de Deus, Pastor é detido por abusar de fiéis

Havendo proposto um procedimento de cura através da unção, o pastor se aproveitava da situação crítica das mulheres para abusar delas


Publicado em: 30/04/19 às 10:01 por Junior Moura | Atualizado em 30/04/2019 às 10:31

Depois de João de Deus, Pastor é detido após abusar de fiéis

Em Uberlândia (MG), um pastor evangélico, de 44 anos, foi preso após cometer crimes libidinosos com fiéis. A delegada Ana Cristina Marques Bernardes, da DEAM, deu detalhes sobre a prisão preventiva do líder religioso.

No entanto, um pastor que liderava uma igreja situada no bairro Lídice em Uberlândia, está sendo acusado de praticar atos abusivos com as fiéis.

+Sem Lauriete, Magno Malta abre mão de affair e toma importante decisão

Esclarecimento do caso

Mediante ao exposto, segundo informações, o mesmo se aproveitava das fiéis, similarmente a João de Deus. O pastor dizia que iria fazer curas espirituais nas fiéis, e por sua vez possuía a necessidade de tocar nas partes íntimas.

Portanto, as fiéis com medo de não cumprir “o que Deus” mandava o sacerdote fazer, as mesmas deixavam acontecer. Contudo isso, vale enfatizar que a prisão preventiva do homem, só ocorreu depois dele haver abusado sexualmente de uma mulher de 32 anos.

O abuso aconteceu em dezembro/2018, porém o processo de investigação durou cerca de um mês. Após a conclusão dessa fase, foi expedido a prisão preventiva e aceito pela 1ª Vara Criminal de Uberlândia.

+Aline Barros faz sucesso com novo single e passa mensagem de fé

Portanto, vale destacar que diversas informações foram colhidas, porém ainda estão sendo concluídas. As demais vítimas estão sendo ouvidas para o complemento desse caso.

Assim sendo, este complemento ao caso do pastor pode piorar a situação. Contudo, se o mesmo for condenado, este cumprirá uma pena de até seis anos de prisão.

A delegada explicou que: “O delito se chama violação sexual mediante a fraude. Nesses casos, há a prática de conjunção carnal ou ato libidinoso. Mas não é mediante violência ou grave ameaça, mas por meio de um argumento que faz a vítima acreditar. No caso específico, [a vítima acreditou] que estava recebendo uma cura espiritual e quebra de maldição. Ela concordou com a prática da situação, porque foi iludida”.

Motivo pelo qual a vítima havia procurado o pastor

Vale destacar que, a mulher estava passando por crises no matrimônio, casamento que havia sido celebrado na igreja do pastor detido. Mediante as crises, o pastor propôs a fiel uma cura através do procedimento de unção. A primeira vez que o caso aconteceu, como descrito em cima, foi em dezembro do ano passado.

Após ter sido aconselhada por uma amiga, só este ano a vítima decidiu procurar a polícia, já que o pastor havia proposto uma nova seção.

+Pastor Rogério Dantas nega que mantinha “caso” com cantora gospel

“Ele fez uma proposta para a vítima tirar fotos nuas. Ela conseguiu gravar a conversa, trouxe os registros, fez o boletim de ocorrência e pediu providências”, revelou a delegada.

Apesar de apenas um só caso haver vindo á tona, Ana Cristina esclareceu que pelo menos quatro mulheres passaram pela mesma situação. E a polícia acredita que esse número pode aumentar.

Por fim, segundo a polícia, faz-se necessário a prisão preventiva e imediata desse homem, pelo fato de que o mesmo enquanto não tinha sido detido, permanecia com os cultos frequentemente.




Aniversariante do mês
Álvaro Tito

Cantor

53 anos


publicidade

Mais artigos

Pastor Hueslen lamenta morte de entes familiares e comove internautas

Os dois filhos dos primos do pastor Hueslen Santos morreram afogados logo depois de um momento de descuido dos responsáveis


Escândalo envolvendo igreja evangélica ainda repercute no exterior

Naasón Joaquín García, foi preso no aeroporto de Los Angeles sob acusação de tráfico de pessoas, pornografia infantil e abuso de menores


Quatro fatos intrigantes sobre o assassinato do pastor Anderson do Carmo

Pouca coisa foi esclarecida diante das perguntas que ainda hoje permanecem sem respostas


Sarah Farias explica cancelamento de agenda e pede perdão à igreja

Os seguidores elogiaram a atitude da cantora, e deixaram muitas mensagens de apoio


Violência: Pastor é assassinado a tiros em frente a igreja

O pastor foi socorrido por vizinhos e levado para a UPA de Serra Sede, mas não resistiu e morreu antes de receber atendimento


Teto de igreja evangélica desaba após incêndio e pastor se desespera

De acordo com a Polícia Militar, um curto circuito pode ter causado o incêndio


Irmãos suspeitos de matar pastor se entregam à polícia

Os suspeitos estavam foragidos e com mandado de prisão em aberto após serem indiciados pela morte do pastor evangélico Edenilton Félix


Nesta segunda Flordelis prestará depoimento à polícia sobre morte do marido

Flordelis também pretende conceber uma entrevista coletiva aos jornalistas na próxima terça-feira 25


Segundo a polícia, cenário macabro foi encontrado na casa de Flordelis, saiba mais

Todas as pessoas que estavam na casa no dia do crime estão sendo investigadas


Flordelis quebra o silêncio, critica a polícia, e detalhe chama a atenção

Uma semana após o assassinato do pastor Anderson do Carmo a cantora desabafa nas redes sociais