Deputada faz menção de Jesus ao PT, tentando se aproximar dos crentes

A declaração aconteceu durante o 1º encontro dos evangélicos do PT, que possui grande foco em se reaproximar dos evangélicos


6 meses atrás | Micael Batista



Gleisi Hoffman diz que lutas do PT se remete a Jesus (REPRODUÇÃO)

A deputada federal Gleisi Hoffman, do Partido dos Trabalhadores (PT), se reuniu com os evangélicos e soltou o verbo.  Gleisi, tentando se aproximar dos crentes se remeteu a Jesus como exemplo.

A fim de recuperar a credibilidade dos crentes, o partido tem organizado essas reuniões para conquistar os evangélicos. Em vista disso, vale enfatizar ainda que eles buscam reverter o quadro que levou o partido às irrefutáveis derrotas.

+Bianca Toledo comenta decisão da justiça sobre Felipe Heiderich e comete gafe imperdoável

Como aconteceu o afastamento dos crentes do partido

A ausência de pessoas evangélicas que eram a favor do PT, se deu a partir de Dilma Rousserf que foi a última presidente, e a ausência desse povo foi decorrente a propostas que vão contra os princípios cristãos.

Os projetos de lei que Dilma havia proposto, era a legalização do aborto, ideologia de gênero nas escolas, dentre outros. São essas propostas que vão contra a doutrina bíblica que deixou a população cristã indignada.

Durante a última campanha política, algumas de suas propostas eram a legalização de drogas, bem como também a união do poder Legislativo. Fazendo semelhança com a Venezuela, eles visavam transformar o Legislativo em unicamaral. Assim sendo, este tipo de união foi desenvolvido á anos atrás, o que possibilitaria ser um espelho para o Brasil.

Qual foi a menção de Gleisi sobre Jesus?

+Guia LGBT chega as igrejas e fiéis se desesperam

Durante o encontro ela citou sobre os ensinamentos de Jesus, que as lutas do PT se assemelham aos ensinamentos cristãos.

“Aqui é um encontro do povo de Deus, de quem segue a filosofia cristã. O PT foi formado e forjado na luta pelo povo mais pobre e mais sofrido. A luta do PT traz ensinamentos de Jesus, que sempre foi a nossa referência”, falou Gleisi.

Em síntese o PT, divulgou uma carta aberta, que obrigava os evangélicos organizarem comitês “Lula Livre” por todos os cantos de sua atuação. A perseguição com os evangélicos era tão acirrada que o então ministro das Comunicações, Paulo Bernardo (marido de Gleisi Hoffmann) estudou proibir a veiculação de programas religiosos nas emissoras de rádio e TV, mas depois de uma pressão avassaladora da bancada evangélica, os planos foram deixados de lado




publicidade

Mais artigos

Tragédia: Pastor e mais cinco fiéis morrem em grave acidente de carro

Os fieis estavam sendo transportados de manira irregular, na carroceria de uma caminhonete


URGENTE: Pastora Helena Raquel é assaltada no RJ

Os criminosos levaram o carro do pastora e todos os seus pertences


Evento que promete resgatar a “masculinidade patriarcal”, custa R$3 mil e esgotou

O evento acontecerá em Brasília, e contará com as palestras de proeminentes oradores, que devem tratar sobre o assunto de forma aberta.


Maçonaria promove vice-presidente Mourão ao grau 32

Ele já ocupava a posição de grande inspetor, agora é o sublime príncipe do real segredo


Confirmado: Perlla reata casamento com pastor após brigas e affairs

O próximo passo será a reconciliação com os evangélicos e com sua carreira na música gospel


Cantora de forró critica canonização de Irmã Dulce e é bombardeada na web

O comentário despertou a fúria de católicos


Depressão: Religioso tenta se jogar da torre da igreja

Os casos de suicídio motivado por depressão tem aumentado a cada dia


Missionário R.R Soares pode estar com os dias contados na TV

O religioso ganhou fama internacional através do programa Show da Fé


Pastor Elizeu Rodrigues detona Juliano Son e Kleber Lucas

O pastor também criticou Kleber Lucas por sua recente separação


Eyshilla ousou tocar no “assunto proibido” e mundo gospel não perdoou

A cantora gospel usou de boas intenções, mas acabou repercutindo negativamente