Marco Feliciano quebra o silêncio e defende Silas Malafaia sobre denúncia do MP

Após ser indiciado por envolvimento em um "roubo" de 1,6 milhão de reais, o deputado Marco Feliciano saiu em defesa de Silas Malafaia


Publicado em: 05/02/19 às 10:46 por Junior Moura | Atualizado em 05/02/2019 às 10:46

Pastor Marco Feliciano (REPRODUÇÃO)

O pastor Silas MalafaiaEduardo Paes e demais réus estão sendo acusados de improbidade administrativa nos contratos envolvendo a marcha para Jesus, pelo fato de 1,6 milhão serem destinados ao evento que reúne milhares de cristãos de diversos lugares deste país.

No dia 24 de Janeiro foi divulgada a decisão da juíza Mirela Erbisti, da 3ª Vara da Fazenda Pública do Rio de Janeiro. A juíza fez uma declaração sobre o pastor, dizendo que o mesmo havia se aproveitado da situação de forma imprópria.

+Por onde anda Thalles Roberto, e qual a sua estratégia para voltar ao topo da música gospel

O pastor e Deputado federal Marco Feliciano se posicionou contra a situação do seu irmão na fé, e disse que o pastor só está sendo indiciado pelo fato dele ser um homem que não mede suas palavras.

Marco Feliciano fez uma declaração que da mesma forma que o pastor conseguiu provar sua inocência em demais casos, sairá mais uma vez impune desta. O deputado falou ainda sobre a decisão da juíza, que foi uma pura canalhice porque Malafaia é conhecido internacionalmente e nunca foi visto como “ladrão” por ninguém.

+Lauriete ignora Magno Malta nas redes sociais e fãs suspeitam de crise

Afirmou que todos os gastos do evento em 2012, foi passado para os responsáveis legais, e Malafaia ficou indignado pelo fato de cobrarem tanto de uma coisa que outrora existiu, sendo que os demais eventos como a parada gay e escolas de sambas não recebem esse tipo de cobrança, ou pressão.

“… Até quando, nós envagélicos viveremos como abutres?… Abutres são aves que cisca a carniça e que fica esperando a morte para se alimentar dela”, declarou Marco Feliciano.

Pastor Silas Malafaia vira réu em processo de improbidade administrativa

Pastor Silas Malafaia (Reprodução)

O pastor Silas Malafaiamais uma vez está no centro de uma polêmica e virou réu na ação de improbidade administrativa no qual o ex- prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes foi  denunciado pelo Ministério Público.

Segundo a denúncia, a prefeitura aplicou, sem licitação, R$ 1,6 milhão no evento religioso “Marcha Para Jesus”, em 2012.

+ No Instagram, Kleber Lucas parabeniza esposa pelo seu aniversário e detalhe chama atenção

Nessa quinta-feira (24), foi divulgada a decisão de 10 de janeiro da juíza Mirela Erbisti, da 3ª Vara de Fazenda Pública do Rio, que recebeu a acusação feita pelo Ministério Público.

Sobre Malafaia a juíza declarou:“teria se locupletado com o evento, eis que era presidente e representante legal da Comerj, esta a beneficiária direta do ato ímprobo”. “Promovendo seu nome pessoal e a associação, concorreu ainda para o gasto aparentemente irregular do município”.

O pastor Silas Malafaia está indignado com a decisão da juíza e disse  se tratar de uma “perseguição religiosa”, que a verba só foi liberada depois que a programação do evento foi apresentada, que a Marcha Para Jesus foi realizada para promover a paz e que todos os documentos e notas do evento foram apresentados.

+ Crise? Fernanda Brum é processada pela segunda vez por não pagar aluguel

Malafaia a qualquer momento irá liberá um vídeo em suas redes sociais explicando que está sendo vítima de perseguição contra a Marcha para Jesus, pois a Juíza não aceita que o evento seja patrocinado pela prefeitura, e pediu para que as pessoas compartilhassem o vídeo pois ele irá explicar que tudo não passa de uma perseguição religiosa vergonhosa.



Aniversariante do mês
Liz Lanne

Cantora

41 anos


Mais lidas

Mais artigos

Luto: Pastor morre após celebrar a “Santa Ceia” e fiéis se desesperam

A mulher do pastor fez uma declaração, onde disse que apesar de seu coração está triste, a terra estava alegre pelo fato de que ele foi um exmplo de líder


Padre brasileiro é excomungado após ser acusado de estuprar 11 ex-freiras

O Vaticano investigou o caso e considerou o brasileiro culpado, não dando a ele uma segunda chance de continuar na igreja.


Deputado evangélico propõe “Dia do Orgulho Hétero” e irrita comunidade LGBT

“Se nada for feito para impedir, muito em breve tornar-se-á crime ser ou se declarar heterossexual”, disse o pastor


Jesus Cristo é a “base da felicidade” diz Marcos Mion e emociona internautas

O ato ocorreu no último dia 18, quando o apresentador foi com seu filho altista para uma congregação, ficando fortemente emocionado, se declarou para Jesus


Blocos carnavalescos para evangelizar, certo ou errado? Descubra!

Nos últimos tempos deste século, temos presenciado e notado muitos "blocos carnavalescos" surgindo nas igrejas, com intuito de evangelizar


Cabo Daciolo quebra jejum das redes sociais e faz desafio surpreendente

Como sempre, os internautas adoraram a volta de Daciolo as redes sociais, e em poucos minutos a publicação já tinha milhares de likes e comentários


André Valadão “quebra o silêncio” sobre ataques a sua linha de cartão de crédito

O vídeo foi ao ar no dia 18, onde o pastor e cantor gospel rebateu e esclareceu as criticas


Após fim de casamento Magno Malta toma atitude desesperada para voltar com Lauriete

Segundo um jornal local do Espírito Santo, o que teria motivado a separação, seria uma suposta traição de Magno Malta


Samuel Mariano desabafa e diz o que pensa sobre alguns cantores e pregadores famosos

Samuel atualmente tem dedicado grande parte do seu tempo ao seu projeto missionário chamado "Quero Almas", e nesse momento se encontra no interior da Bahia


Damares Alves convida Agustin Fernandez para participar de campanha e funkeira se revolta

Segundo a ministra, a campanha contará com o auxílio de profissionais da área de beleza que identificará as mulheres vítimas de violência