10 fatos sobre a pastora Damares Alves, a nova ministra de Bolsonaro

Com Damares Alves confirmada como nova ministra, falta apenas definir e anunciar o titular do Ministério do Meio Ambiente


Publicado em: 07/12/18 às 12:18 por Caio Rangel | Atualizado em 14/01/2019 às 16:07


Foi anunciado pelo futuro ministro-Chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, nesta quinta-feira (06), que a advogada e pastora evangélica Damares Alves – assessora do senador Magno Malta, será a ministra de Mulher, Família e Direitos Humanos no governo de Jair Bolsonaro.

+ Declaração polêmica causa mal-estar entre Ana Paula Valadão e movimento LGBT

Grande parte da imprensa tentava reduzir Damares à condição de “assessora de Magno Malta”, e “pastora”, tentando ofuscar o seu histórico de décadas de lutas dentro do Congresso Nacional.

O maior desafio da pastora será retomar as verdadeiras pautas de defesa dos Direitos Humanos, transformadas em mera “defesa das minorias” nos governos do PT.

+ Pastor influente afirma que na igreja não tem “macho nem fêmea” e revolta evangélicos

Veja agora 10 fatos sobre a pastora Damares Alves que são desconhecidos por muitas pessoas.

1- Origem

Nascida em 1964, A pastora Damares Alves tem 54 anos, é uma mulher tipicamente nordestina, que cresceu em Sergipe. Filha de um pastor e uma dona de casa, de nome Guilhermina, a futura Ministra cresceu morando em diversas cidades do Nordeste.

2- Infância

Aos 6 anos de idade foi abusada sexualmente. O resultado dos abusos impossibilitaram que ela gerasse uma criança no útero. Vencendo as dificuldades, estudou e se formou como educadora e advogada, vindo a trabalhar como assessora parlamentar por muitos anos.

3- Crianças de rua

No final da década de 80, em Sergipe, Damares fundou o comitê estadual do Movimento Nacional Meninas e Meninos, cuja principal função era a proteção de crianças moradoras de rua. Nesse período, por diversas vezes, transformou seu próprio apartamento em lar temporário para essas crianças. Outras vezes, para entender o problema na pele, dormiu nas ruas de Aracaju ao lado delas.

4- Adotou uma índia

Damares não tem filhos biológicos, mas adotou uma indiazinha que foi salva da prática de infanticídio, comum em algumas tribos do Norte quando há o nascimento de bebês gêmeos ou com qualquer tipo de deficiência. A experiência a motivou a criar o Movimento Atini que busca no Congresso Nacional meios de proteger crianças indígenas que correm o risco de ser sacrificadas.

5- Contra a pedofilia

É palestrante reconhecida nacionalmente pelo combate à pedofilia.

6- Pauta LGBT

A futura ministra informou que, no comando do ministério responsável pelas políticas para minorias, pretende dialogar com representantes de movimentos LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros). Ela também afirmou que é possível haver “paz” com grupos conservadores.

“Eu tenho entendido que dá para ter um governo de paz entre o movimento conservador, o movimento LBGT e os demais movimentos”, ressaltou.

7- Aborto

Ela é uma militante contra o aborto, e rejeita que o tema seja encarado como uma questão de saúde pública. Damares, foi uma das fundadoras do Movimento Brasil Sem Aborto, a entidade organizada mais influente na defesa dos nascituros no Brasil.

 

8- Advoga de graça

Advoga voluntariamente, há 30 anos, para mulheres em situação de vulnerabilidade social e violência doméstica.

9- Contra as drogas

É coordenadora do Movimento Nacional Brasil Sem Drogas.

10- igualdade salarial entre gêneros

Durante a campanha, Bolsonaro afirmou mais de uma vez que, na questão de definição salarial e brecha de gênero em empresas privadas, o Estado não deveria interferir.

Mesmo assim a pastora informou que está disposta a lutar por igualdade salarial entre gêneros.“Se depender de mim vou para a porta da empresa em que o funcionário homem, desenvolvendo papel igual da mulher, ganhe mais. Acabou isso no Brasil”, declarou.

Cantor gospel posta vídeo em bar cantando música secular e é criticado por seguidores

Considerada por muitos uma das maiores bandas de rock gospel do Brasil, a Banda Catedraljá esteve no topo do sucesso, e escreveu o seu nome na história da música brasileira.

Porém, um vídeo publicado pelo vocalista e líder da banda, o cantor Kim, tem causado discussão no Instagram. Ele esteve em um bar no centro de “Lisboa em Portugal”, e prestigiou o show do pagodeiro Péricles.

+ Vazou: Cantor gospel Jonas Vilar bate-boca com membro de sua igreja em áudio polêmico

Kim não recusou o convite de Péricles e cantou algumas músicas com o ele, entre Legião UrbanaOs Paralamas do Sucesso, e outras.

O cantor publicou o vídeo no Feed do seu Instagram, e recebeu muitos comentários, dentre os comentários, uma seguidora acabou tirando o cantor do sério, ela disse:“Nossa…não é a cara do Kim mesmo….kkkk ele tem cara só de cantar gospel kkkk ainda bem”.

+ Simone da dupla com Simaria faz jejum de redes sociais e pede oração

O cantor se irritou com o comentário e respondeu logo em seguida, afirmando que não canta gospel em lugar nenhum, e que desde os anos 2.000, canta para todos.

A banda que teve início na igreja e por muitos anos liderou o topo das paradas gospel, atualmente se nega a aceitar que é uma banda gospel, e cada vez mais se afasta do seguimento que um dia lhe proporcionou muito sucesso e fama.

+ Após críticas Alisson Santos toma decisão inesperada e revolta seguidores



Aniversariante do mês
Liz Lanne

Cantora

41 anos


Mais lidas

Mais artigos

Urgente! Esposa de Samuel Mariano sofre grave acidente de carro

Além de Isabela, os dois filhos de Samuel Mariano também estavam no carro


Conheça Rute Assunção, a cantora gospel que está conquistando o Brasil

Neste sábado(16), a cantora alagoana estará lançando o seu mais novo álbum que se intitula "Voltando pra Casa"


Cantora Damares compartilha experiência marcante e emociona internautas

Damares quebrou o silêncio e trouxe uma palavra de reflexão e um testemunho emocionante


Após vencer o Grammy com CD “fraquinho” Fernanda Brum anuncia novo single

Fernanda Brum fez uma publicação em suas redes sociais onde anunciou o lançamento de seu novo single e com participação especial do cantor Marcos Freire


“Jesus me ama como sou”; diz Augustin Fernandez após ser batizado nas águas

Quem aceitou batizá-lo, foi a liderança da Igreja Apostólica Novidade de Vida, na Zona Sul de São Paulo, já famosa por batizar famosos em ascendência ao evangelho.


André Valadão lança “Cartão de crédito Fé” durante culto na Lagoinha

Sem anuidade, o cartão é próprio para aposentados e pensionistas, e para funcionários públicos


Após participação em DVD gospel, Simone irrita evangélicos ao gravar funk

Simone nunca cogitou a possibilidade de abandonar a sua carreira secular para se dedicar ao gospel, atitude que também foi criticada pela comunidade gospel


Luto: Um ano após trocar de esposa, pastor é assassinado a tiros dentro de casa

A polícia investiga se a morte teve motivação passional ou se o pastor foi morto por engano


Wesley Ros comemora aniversário de 42 anos e recebe o carinho de fãs

O aniversário de Ros aconteceu nesta quinta-feira 14 de fevereiro


Neide Martins fala sobre câncer de mama e evangélicos caem no choro

A cantora segue em carreira solo, desde que o seu sobrinho optou por acabar com a dupla Alisson e Neide