Intolerância Religiosa: Evangélicos expulsam umbandistas durante culto no cemitério em Dia de Finados

O caso de intolerância religiosa aconteceu no Cemitério de Maruí, em Niterói, no Rio de Janeiro


Publicado em: 06/11/18 às 23:26 por Caio Rangel | Atualizado em 10/08/2019 às 22:06




Segundo informações da internet, um grupo de evangélicos expulsaram adeptos da umbanda e candomblé que participavam de um culto no Cemitério de Maruí, no bairro Barreto, em Niterói no Dia de Finados (02). Com gritos de ‘Jesus tem poder’, ‘o nome de Jesus é poderoso’ , ‘o demônio sai’ e ‘feitiçaria sai!’, os evangélicos acuaram os umbandistas que estavam no local exercendo sua expressão de fé.

+ Alisson da dupla com Neide abre o jogo e desabafa nas redes sociais

A atitude dos cristãos, em expulsar fiéis de outras religiões de um local que é público, deixou muitas pessoas revoltadas e principalmente depois que o vídeo viralizou na internet. As imagens foram destaques em vários sites especializados em religião afro.

Veja na íntegra o momento da expulsão:

Magno da Conceição, que é um dos adeptos de umbanda e estava presente na hora da expulsão, falou em entrevista para um dos sites de notícias especializado: “Foi uma situação humilhante. Nós estávamos ali num ato de louvor, em homenagem aos nossos antepassados, como sempre fazemos, quando essa turma, que se intitulou ser ‘evangélicos do arrastão de Jesus’, chegou aos berros, nos expulsando do lugar”.

+ Fernandinho lança música em parceria com Gabriel Guedes

Ele ainda conta que um dos pais de santos que professava a fé naquele momento, tentou conversar com alguns dos evangélicos, mais não obteve sucesso.

Informações apuradas na internet relata que alguns líderes da religião afro, levarão o caso para justiça, pois será registrado uma denúncia nesta terça-feira (06) na Polícia Civil, e a Comissão de Combate à Intolerância Religiosa (CCIR) irá realizar uma investigação sobre o caso.

Defensores e praticantes da cultura afro, estão programando um protesto para a próxima quarta-feira (07), as 17h da tarde, em frente à estação das Barcas de Niterói, e uma caminhada a partir de 10h da manhã do próximo domingo (11). Segundo organizadores da caminhada o ponto de encontro será na Praça do Barreto, indo até o Cemitério de Maruí.

+ Cantora Deise Cipriano recebe festa surpresa no hospital, em comemoração aos 39 anos de idade

O reverendo Caio Fábio, que é um defensor assíduo de todas as religiões, comentou em seu Instagram e compartilhou sua opinião sobre o que aconteceu no Cemitério de Maruí no Dia de Finados:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Intolerância: Como voce justifica tnto desrespeito e invasividade? – www.caiofabio.net

Uma publicação compartilhada por Caio Fábio D’Araujo Filho (@caiofabiodaraujofilho) em

Kleber Lucas abençoa bar de Latino e cantor secular retribui cantando em culto da Soul

Kleber Lucas e Latino (Reprodução)

Kleber Lucas e Latino (Reprodução)

No último dia 22 de Outubro, uma visita do pastor e cantor gospel Kleber Lucas a um bar, causou polêmica entre os evangélicos. Kleber esteve no bar  “Coco Mambo” do cantor latino.

Um post do cantor Latino chamou a atenção. Ele publicou uma foto com Kleber em seus Stories com a seguinte legenda:“Olha quem veio abençoar o maior bar temático do Brasil, pastor Kleber Lucas”. 

+ Pastor “ostentação” sofre acidente e ganha fratura grave na mão direita

Na noite do último domingo, o cantor Latino Fez mais uma visita a igreja do amigo, e foi convidado até o púlpito para cantar juntamente com Kleber e a equipe de louvor da Batista Soul.

As músicas escolhidas foram “Deus Cuida de Mim”, e “Faz um Milagre em Mim” do cantor Regis Danese. Latino postou em seu Instagram e Kleber também repostou.

Latino escreveu:“Não tem satisfação maior no mundo que dar uma canja ao lado do meu ídolo Kleber Lucas na igreja mais musical e desprovida do Rio de Janeiro. Obrigado meu pai”. 

+ “Arrasada” Bruna Karla chora e comunica a morte da sua madrasta

No post, Kleber Lucas fez questão de afirmar que Latino é seu vizinho, e que a Batista Soul é um lugar de acolhimento: “Somos vizinhos há 10 anos e nos encontramos na Soul, um lugar de acolhimento”. Disse ele.

Nos últimos meses o pastor tem recebido muitas críticas por algumas decisões que tem tomado, mas ele segue certo de suas convicções e não tem se deixado abater pelos comentários.




publicidade

Mais artigos

Nove mentiras de Flordelis

Relembre agora algumas mentiras contadas por Flordelis sobre o crime


Mãe de Anderson revela que filho biológico de pastor na verdade é adotado

Anderson tratava Daniel de maneira diferenciada, o jovem na realidade era o "xodó" do pai


Wesley Ros comemora lançamento do clipe Fogo de Deus

Fogo de Deus, é uma linda canção conceituada em países latinos através do grupo musical ROJO


Trama para matar Anderson do Carmo teria iniciado em 2018

Há indícios que a trama para matar o pastor teria iniciado em outubro do ano passado


Pastor Josué Brandão celebra aniversário do filho com mensagem emocionante

O pastor publicou uma linda mensagem em sua conta no Instagram


Davi Sacer surpreende seguidora com resposta no Instagram

O cantor gospel havia publicado o vídeo de um clipe da música Enfermo de Amor


Ministra Damares Alves recebe o pastor Gilmar Santos em Brasília

O pastor Gilmar Santos foi à Brasília defender interesses da convenção


Padre é preso por gastar R$ 400 mil da igreja com homens que conheceu em app gay

O padre abriu uma conta secreta e desviava as doações da paróquia


Dona da Mk toma decisão sobre Flordelis

Yvelise Oliveira se mantém em silêncio apesar de acompanhar de perto o desfecho do caso


Reviravolta: Flordelis acusa Misael de sumir com o celular de Anderson no dia do crime

Flordelis afirma que Misael pediu para um amigo da família pegar o celular na sua casa