Pastor evangélico entrega mais uma Bíblia a Haddad e acusa militantes de Bolsonaro de roubo

Na última terça-feira (23), o candidato esteve reunido com algumas lideranças religiosas no Rio de Janeiro


2 anos atrás | Caio Rangel



Pastor Ariovaldo (Reprodução)

No início da semana o presidenciável Fernando Haddad, ganhou uma Bíblia de presente de um militante do seu partido no Ceará. No dia seguinte ela foi encontrada no lixo, rapidamente o vídeo se espalhou nas redes sociais causando a revolta de muitos cristão.

O candidato tentou explicar como a Bíblia tinha ido parar no lixo, e disse que ela havia sido roubada do seu palanque por algum apoiador de Bolsonaro. A explicação não convenceu a quase ninguém.

+ Pastora Helena Raquel se irrita com seguidora após acusação e dá resposta “atravessada”

Na última terça-feira (23), o candidato esteve reunido com algumas lideranças religiosas no Rio de Janeiro. Fernando Haddad disse que o estado laico deve ter uma relação harmoniosa com todas as crenças.

Na oportunidade o pastor Ariovaldo Ramos, da “Comunidade Cristã Reformada de São Paulo”, entregou mais uma Bíblia em nome dos “evangélicos” ao presidenciável Haddad, e acusou apoiadores de Bolsonaro de terem roubado a Bíblia que foi achada no lixo.

+ De Aline Barros a Damares; 10 cantoras gospel que “desprezam” Shirley Carvalhaes na web

Ariovaldo Ramos é militante do PT e defende muitos temas que vão de encontro as escrituras sagradas e aos princípios da família. Ao entregar a Bíblia ele disse : “Em nome dos evangélicos nos queremos dizer que trouxemos outra Bíblia para o presidente, por o adversário roubou”.

O pastor Rafael Bello se pronunciou sobre o fato e colocou nos Stories do seu Instagram uma foto com com a seguinte legenda:“Ariovaldo Ramos…Poxa… triste…LAMENTÁVEL”.

+ Cantor gospel Kleber Lucas se posiciona contra Bolsonaro e manda indireta

Assistav ao vídeo do pastor Ariovaldo entregando uma nova Bíblia a Haddad.

Pastor evangélico eleito deputado federal abandona Bolsonaro e faz campanha para Haddad

Pastor Sargento Isidório (Reprodução)

O  deputado federal eleito com a maior votação na Bahia, 323.264 votos, Sargento Isidório (Avante), seria pela lógica um apoiador de Bolsonaro por pelo menos dois motivos; É militar, e é pastor, já que grande maioria dos pastores apoiam o presidenciável, ele poderia está surfando nessa mesma onda, mas não é isso que está acontecendo.

Pastor da Assembleia de Deus e defensor dos princípios bíblicos e morais, sargento Isidório vem sendo criticado duramente por abandonar apoio a Bolsonaro e fazer campanha para o PT.

+ Pastor evangélico cai de mini-trio durante campanha política em um município da Bahia

Pelo perfil seria natural que ele integrasse duas das mais poderosas frentes parlamentares da Casa, a evangélica e a da segurança pública, também conhecida como bancada da bala. Pastor Sargento Isidório tem andado pela Bahia pedindo voto para o presidenciável Fernando Haddad (PT) e combatido o discurso belicista do opositor.

+ Maquiado, pastor Lucinho Barreto manda recado para homossexual famoso

“Haddad é professor, casado com a mesma mulher durante 30 anos, pai de família. Fiquei com o filho do diabo mentindo. Descobri o perigo que a nação corre quando alguém diz que policial que não mata não é polícia. Violência gera violência. Vamos pras urnas sabendo que o PT errou, mas quem não errou? Mas não pode generalizar”. Diz o parlamentar.

Assista ao vídeo.




publicidade

Mais artigos

Pastor faz duras críticas a líderes religiosos que descumprem decreto

“Lideres pregam a obediência mas não obedecem?" desabafou o pastor


Após questionamentos, Daniela Araújo revela que se casou em secreto

Daniela disse que um dos motivos dessa decisão foi a sua privacidade


Marido pode ter traído e espancado Elaine de Jesus; Ouça conversa com novinha

O pastor Alexandre Silva está proibido pela justiça de se aproximar de Elaine de Jesus


“Serva de Deus”, espanca homossexual com barra de ferro

Ela alegou que vítima teria que morrer por causa da sua orientação sexual


Casal de pastores da Igreja Quadrangular morre vítima da Covid-19

O pastor morreu às 8 horas do sábado (27), e a pastora às 23 horas do domingo (28)


Filho da cantora Eyshila volta a debochar da bíblia: “Não é perfeita”

Essa não é a primeira vez que Lucas critica as escrituras sagradas em suas postagens do Instagram


Pastor que não acreditava na Covid-19 morre vítima do vírus

O líder religioso tinha 53 anos e não possuía nenhuma comorbidade


Assembleia de Deus pode responder criminalmente por ignorar pandemia

O pastor presidente Luiz Gonzaga, também pode responder criminalmente por desrespeitar o isolamento


Morre reverendo Dimas, Pastor Emérito da 1ª Igreja Presbiteriana Independente

O pastor estava doente desde o início da semana, com tosse e sem apetite


Isadora Pompeo desabafa após ser criticada: “Nunca queira fama”

A cantora recebeu inúmeras críticas por ter mudado radicalmente o visual