Cantor gospel que se declarou gay e virou “drag”, fala sobre apoio de evangélicos a Bolsonaro

Lucas foi um cantor gospel promissor, mas revela que sempre lutou contra sua homosexualidade dentro da igreja, até que não deu mais para segurar


Publicado em: 03/10/18 às 6:32 por Micael Batista | Atualizado em 18/01/2019 às 8:08

Lucas Miziony (Reprodução)

O presidenciável Jair Messias Bolsonaro (PSL), é de longe o candidato preferido dos evangélicos nessa eleição. Com apoio massivo de pastores e cantores gospel famosos, Bolsonaro se tornou uma ferramenta escolhida para tirar o PT do poder.

Pelo que se prega na maioria dos discursos pró-Bolsonaro, não é a sua capacidade de governar a nação, mas de fazer uma faxina no governo e retirar os apelidados “esquerdopatas” que lutam contra os interesses da família que de fato importa.

O que pensa um cantor gospel que já esteve do lado da família tradicional e hoje é homossexual assumido, sobre o candidato preferido dos evangélicos?

+ Após envolvimento com drogas, pastor Adeildo Costa segue na lista negra do Gideões

Conversamos com Lucas Miziony, um ex-artista gospel premiado que hoje figura entre os nomes mais lembrados entre o público LGBT. Já concedeu entrevista para a TV, sites e revistas importantes, e falou com o O Fuxico Gospel sobre o que acha do apoio massivo dos evangélicos a Bolsonaro.

“Olha, é muita hipocrisia da bancada evangélica, pois eles pregam o amor, a paz e que abraçam a todos, não faz discriminação de pessoas e tals.
Porém apoia um cara preconceituoso machista, Q não respeita as mulheres os homossexuais, violento e misógino, gosta de humilhar muitas pessoas.
Então eu acho os evangélicos muito falsos, pois eles vem com ideias de família tradicionais

Por exemplo.. Pai, mãe e filho, isto pra eles são famílias tradicionais, mas eles não vivem isto, pois muitos pastores e membros tem amantes, alguns são gays e não se assumem, vivem por debaixo dos panos
 Então por causa da oferta, muitos deles mantém escondidos, aí vem me dizer que família tradicional é somente pai, mãe e filho, me polpe!
Tantos pregadores e pastores, largam suas mulheres em casa com os filhos para sair com um gay.. Com outra mulher … E vem co hipocrisia pro meu lado? Isto não cola!
Foram que o bolsonaro quer liberar o porte de arma para se sentir mais homem pra se sentir mais seguros, isto pra mim não é se sentir seguros e sim começar um
Guerra

+ Cantor que largou a música gospel para ser drag, contou sua história no Super Pop

  Aí eu pergunto, será que eles que pregam a paz, o amor querem viver a paz ou amor de verdade?
Pq pra mim não parece, eles querem guerra!
E nós do LGBTQI+ não aceitamos e dizemos #ELENÃO ELE NÃO POR QUE ELE É FACISTA, ELE NÃO POR QUE ELE É PRECONCEITUOSO #ELE NÃO POR QUE É RACISTA … ELE NÃO E ELE NUNCA
é uma vergonha os evangélicos apoiarem um cara deste, querem impor conduta, porém eles não têm nenhuma conduta, falta de respeito!
 Ser gay não é bicho, somos seres humanos que estamos lutando pelo nossa liberdade, pelo nosso respeito, pela nossa dignidade , pela nossa cidadania, e Este Bolsonaro não é digno de ser presidência, e vamos lutar contra isto sempre, pois só queremos o respeito, o amor ao próximo Q eles pregam e não vivem!
  Só mais uma coisa, FAMÍLIA NÃO É PAI, MÃE E FILHO, Pq eu nunca precisei de um pai para ser criado e ser amado, eu tive minha mãe, e irmãos.
Então família é conjunto de pessoas, podem ser dois pais ou duas mães e uma criança .. Isto já é uma família, pois onde tem amor, alegria, paz harmonia e vivem juntos .. Isto já é um família e é isto Q queremos, a Paz , amor e o Respeito
 No clipe dia 06/10 vai sair meu clipe “Faz Assim”, e estaremos mostrando um pouco desta hipocrisia Q existe em muitas igrejas, “evangélicos” Q falam sobre família, mas trai a mulher e vive de aparência pelo dinheiro e pela fama!”

Dono da MK, Arolde de Oliveira foi condenado a devolver R$22 milhões de reais

O dono da MK, uma das principais gravadoras de música gospel do país, Deputado Arolde de Oliveira (PSD), concorre ao Senado pelo estado do Rio de Janeiro e vem recebendo o apoio massivo dos artistas que fazem parte do cast  de sua empresa.

No entanto, após uma breve pesquisa usando o app [Detector de ficha de político], é possível ver que o deputado foi condenado pelo juiz Sérgio Roberto Emílio Louzada, da 2ª Vara da Fazenda Pública do Rio de Janeiro, a devolver cerca de R$22 milhões de reais aos cofres públicos.

Arolde e mais oito réus, foram alvo de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público do Rio de Janeiro, por fraudar contratos para os Jogos Pan-Americanos de 2007, quando era Secretário Municipal de Transportes.

O processo 0206683-08.2016.8.19.0001 pode se consultado no site do Tribunal de Justiça (TJ) do Rio de Janeiro.

Mesmo sabendo que Arolde de Oliveira foi condenado em primeira instância por fraude, nomes importantes da música gospel seguem declarando apoio ao patrão.

Arolde de Oliveira

Arolde de Oliveira




Mais artigos

Pastora sugere cristão usar leite condensado na hora “H” e causa polêmica

A sugestão da pastora de não usar produtos de sex shop, mas usar coisas de dentro de casa não foi aceita por muitos internautas


Produtor gospel famoso despreza filha com câncer e ignora sua existência

Ele simplesmente ignora a sua existência da filha e não presta nenhum tipo de assistência para criança


Priscilla Alcantara posta foto no Instagram e detalhe chama a atenção dos internautas

Em alta no mercado da música gospel a cantora não se deixa se abater pelas críticas, e mostra maturidade


Escândalo! Cantor gospel é flagrado usando cocaína antes de show

O cantor gospel foi flagrado em um vídeo que mostra ele no camarim de um evento gospel, momentos antes de entrar no palco


Simone posa ao lado de Claudio Duarte e Bruna Karla e internautas não sabem lidar com foto

Simone já é evangélica assumida, apesar de não ter aberto mão de sua carreira na música secular


Cantor gospel Leandro Borges ignora boatos sobre ser gay

Leandro Borges vem crescendo a cada ano dentro do cenário gospel


Aline Barros presta depoimento na justiça após acusação de assédio moral

Aline Barros está sendo processada por sua ex-backing vocal, que alega que a cantora gospel a demitiu depois de descobrir que ela é gay


Leonardo Gonçalves toma decisão após casamento e decepciona internautas

Mesmo sabendo que o cantor costuma ser bastante reservado nas questões familiares e pessoais, fãs querem saber como está o casamento de Leonardo Gonçalves


Tonzão abandona o funk mais uma vez e anuncia retorno a música gospel

Tonzão abandonou sua carreira na música gospel em janeiro de 2018, e informou oficialmente o seu retorno ao funk


Magno Malta quebra o silêncio sobre decisão de Bolsonaro e causa polêmica

Através de um vídeo que circula nas redes sociais, o parlamentar desabafa e diz o que pensa sobre um dos temas mais polêmicos defendidos pelo presidente