Caio Fábio insinua que ataque à Bolsonaro é reflexo do seu próprio ódio

O texto causou revolta entre os seus seguidores que repudiaram a atitude do reverendo


1 ano atrás | Caio Rangel



Caio Fábio e Jair Bolsonaro (Reprodução)

Depois do lamentável episodio ocorrido no final da tarde desta quinta-feira (06), com o candidato a Presidência da república Jair Bolsonaro ( PSL), que foi esfaqueado na cidade de Juiz de Fora (MG) durante uma caminhada,  o revendo Caio Fábio, fez uma postagem em seu Instagram que irritou a maioria dos internautas. Caio deu a entender em seu post que Bolsonaro estava colhendo o que plantou.

+ Graça Music perde uma de suas principais artistas para concorrente

Vale lembrar que o reverendo apoia a candidata Marina Silva (REDE), e ultimamente tem irritado seus seguidores com constantes postagens criticando Bolsonaro.

Bolsonaro é o preferido pela grande maioria dos evangélicos, muitos artistas gospel já declararam apoio ao presidenciável.

+ PG defende Bolsonaro e é bombardeado por seguidores

Na postagem feita por Caio Fábio tinha a seguinte legenda: “Oremos pela paz no Brasil. Não podemos plantar ódio e colher paz. Não se semeia espinheiro esperando comer uvas. Esse ódio, esse espírito de tribalismo auto-fágico, tem que ser parado por nossa escolha de paz; e pela nossa certeza de que a violência não precisa de estímulo.
Aquilo que semearmos, isso colheremos. Semeamos a paz para colhermos respeito mútuo”.

O texto causou revolta entre os seus seguidores que repudiaram a atitude do reverendo.

Veja o post e alguns comentários.

 


Enquanto a população e os próprios candidatos se solidarizaram por Bolsonaro, a postagem do líder espiritual e influenciador cristão acabou sendo infeliz em sua publicação e acabou insultando os próprios seguidores.

Daciolo rouba a cena no debate, ofusca Bolsonaro no Twitter e comete gafe vergonhosa

 

Cabo Daciolo (Reprodução)

O candidato à Presidência da República e pastor evangélico, Cabo Daciolo, participou do primeiro debate das eleições 2018, transmitido pela Band, na noite desta Quinta-Feira (09).

Demonstrando bastante nervosismo, o candidato do Patriota foi parar nos trends do Twitter, ficando em segundo lugar durante todo o debate. Daciolo cometeu uma enorme gafe, ao citar que “O Brasil tem 400 bilhões de sonegadores”.

O candidato confundiu os números e acabou sendo ridicularizado no Twitter. Rapidamente essa frase se tornou um dos assuntos mais comentados no Twitter.

Cabo Daciolo chegou a ofuscar o candidato Jair Bolsonaro, que é conhecido como favorito nas redes sociais.




publicidade

Mais artigos

Márcio Poncio vai de “mal a pior”, veja o histórico do pastor em 2019

Evangélicos mais conservadores não concordam com as atitudes do pastor da Igreja Pentecostal Anabatista


Deputado Abílio rebate Carlos Martins: “anônimo desinformado que quer aparecer”

Abílio afirmou que Martins faltou com respeito e se mostrou desinformado sobre o cristianismo


Saiba quais foram os cantores gospel mais ouvidos no Spotify em 2019

A lista é contém veteranos e contemporâneos, e prova que nem sem o que está na moda é o que se consome mais


Pastor é preso após manter esposa em cárcere privado

O homem teria proibido a esposa de se comunicar com a família, usar o celular, a agredia fisicamente e passou a proibi-la de sair de casa.


Deputado-pastor quer o fim de motéis em áreas urbanas

Pastor Eurico afirma que os estabelecimentos dedicados ao sexo ferem o princípio da moral e dos bons costumes


Com doença grave, Mara Lima canta em praça pública no dia da Bíblia

Ela publicou um trecho de sua participação em suas redes sociais, e foi extremamente elogiada por seguir firme, apesar das dificuldades.


Samuel Mariano afirma que não irá parar de fazer shows para pastorear ADBrás JP

Samuel Mariano irá tomar posse como pastor presidente da ADBrás João Pessoal no próximo dia 10 de dezembro


Saiba porque processo sobre a morte de Anderson do Carmo está parado há um mês

Todas as testemunhas já foram ouvidas, mas ainda falta o depoimento da própria Flordelis


Pastores questionam consagração de Samuel Mariano

O cantor gospel será presidente da Assembleia de Deus em João Pessoa, na Paraíba


Igreja Universal será processada na Angola por forçar pastores a fazerem vasectomia

Mais de 300 bispos da IURD em Angola anunciaram o seu afastamento da direção brasileira e do bispo Edir Macedo