Antes de Bolsonaro, André Valadão “Quebrou a cara” apoiando Aécio Neves

O cantor gospel também já apoiou Marina Silva para presidente e o próprio Aécio para o Senado


Publicado em: 06/09/18 às 8:28 por Micael Batista | Atualizado em 06/09/2018 às 8:28

André Valadão (Reprodução)

Compartilhe:

Desde meados de 2017, o cantor gospel e pastor da lagoinha Orlando, André Valadão, vinha sinalizando que votaria em Jair Bolsonaro para presidente. Recentemente o cantor decidiu soltar aos quatro ventos que apoia o candidato da direita, e que espera que ele dê um “sacode” no país.

O herdeiro do império dos Valadão, gravou um vídeo e publicou em suas redes sociais, esse mesmo vídeo foi incluído essa semana no canal de Bolsonaro no Youtube, que naturalmente, está usando esse material como um bom produto de campanha.

Bolsonaro chegou a agradecer ao apoio de André Valadão, através da sua conta no Twitter.

O apoio de André nesse momento, acaba consolidando ainda mais a simpatia dos evangélicos por Bolsonaro, em detrimento de Marina Silva ou Cabo Daciolo, candidatos assumidamente evangélicos.

Mas é preciso lembrar, que André Valadão já “quebrou a cara” antes, ao assumir publicamente em quem votaria.

Em 2010, o cantor gospel e praticamente toda a família Valadão, declarou apoio a candidata Marina Silva. Enquanto apoiou a candidata do PV (partido verde) na época para presidente, André gravou jingle de campanha de Aécio para o Senado e Anastasia para o governo de Minas.

Assista:

Em 2014, foi a vez de André declarar apoio a Aécio Neves. O cantor chegou a gravar um jingle de campanha do candidato.

Já em 2017, quando questionado sobre ter apoiado Aécio, André Valadão admitiu ter errado ao apoiar o candidato do PSDB, mas prometeu continuar apoiando o candidato que ele acreditar ser o melhor.

André Valadão (Reprodução)

André Valadão (Reprodução)

PG defende Bolsonaro e é bombardeado por seguidores

Enfrentando uma das piores crises políticas de sua história, à corrida para Presidência da República do Brasil já iniciou, e muitos artistas fazem questão de revelar quem eles apoiarão para comandar à nação.

Nem sempre suas escolhas agradam os seguidores, e muitas vezes recebem duras críticas pelo seu posicionamento político, como aconteceu recentemente com o reverendo Caio Fábio, que apoia a candidata Marina Silva (REDE).

Na última quarta-feira (29), um post do cantor gospel PGem seu Instagram, gerou muita polêmica e discussão entre o cantor e alguns seguidores.

PG, postou no Feed do Instagram, uma imagem relacionada a última entrevista do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), ao “Jornal Nacional”, (Rede Globo), e acabou ofendendo alguns de seus seguidores.

O cantor recebeu várias críticas, porém não deixou barato, e partiu para o ataque. Ao ser  insultado que se votasse em Bolsonaro não poderia ser considerado cristão, PG se irritou e respondeu;“Por um acaso, vc me viu dizer ai no post, sobre votar em alguém? Não!!E, sua postura em decidir o que é o que, não lhe cabe bem mano!! Faça o seu e deixe que os outros vejam seu exemplo”.

+ Escândalo: Vídeo de “rodízio” de beijos entre alunos do Colégio Adventista vaza na web

Alguns seguidores defenderam o cantor, o que acabou aumentando a polêmica em torno do assunto.

Acompanhe como iniciou essa polêmica.

Compartilhe:



Mais artigos

Artistas gospel lamentam a morte do músico Sérgio Knust nas redes sociais

Serginho Knust era considerado um dos melhores guitarristas do país, e já tocou com a nata da música gospel do Brasil


Urgente: Cantora gospel passa mal e é levada às pressas para o hospital

A cantora ainda informou que não vem se sentindo bem nos últimos dias, e foi obrigada a cancelar alguns eventos que faria em Minas Gerais


Bispa Ingrid Duque visita região extrema do Amazonas em viagem missionária

O Ministério de Missões da bispa é algo que Deus tem colocado em seu coração, com o desejo de evangelizar as regiões mais difíceis e esquecidas do país


Pastora Juliana Salles é transferida para presídio em Cariacica

Juliane é mãe dos meninos Kauã e Joaquim, que foram agredidos, estuprados e queimados vivos por George Alves Gonçalves seu esposo


Morre Sérgio Knust aos 52 anos: Músico gravou com os principais nomes da música gospel

Serginho Knust estava desaparecido desde o último sábado depois de se apresentar na Queijaria Escola em Nova Friburgo


Clama Bahia cai em desgraça e se torna o maior fiasco gospel de 2018

O evento teria como atração, Fernanda Brum, Banda do Pa, Irmão Lázaro, a cantora Talita Barbosa, o cantor Gabriel Guedes e a banda paulista Ao Cubo.


Artistas gospel criam campanha para encontrar músico desaparecido

O guitarrista Sérgio Knust está desaparecido desde o último sábado 8 de dezembro depois que fez uma apresentação na Queijaria Escola, Nova Friburgo RJ


Com câncer, Ludmila Ferber se despede dos palcos e recebe homenagens

O comunicado foi feito através das suas redes sociais na manhã deste domingo 9 de novembro


Cantora gospel usa o sobrenome do “ex-marido” e do atual e evangélicos não perdoam

Após se casar pela segunda vez a cantora chamou a atenção dos internautas depois que atualizou o seu perfil nas redes sociais


Castigo? Daciolo decepciona evangélicos e passa maior vergonha de sua história

Daciolo tem sido alvo de muitas críticas por conta de algumas atitudes, e tem cada vez mais decepcionado a comunidade evangélica