Pastor da Assembleia de Deus que autorizou casamento gay, esclarece: “Foi armadilha”

O pastor Nelquiades Fernandes está disputando uma vaga de Deputado Federal


Publicado em: 29/08/18 às 10:14 por Micael Batista | Atualizado em 29/01/2019 às 7:41

Casamento homoafetivo (Reprodução)

A Igreja Assembleia de Deus Ministério de Madureira, se viu envolvida em um novo escândalo, isso porque, um pastor presidente do campo de uma cidade no interior de Minas Gerais, autorizou a celebração de um casamento de dois casais homossexuais, em uma cerimônia coletiva que ocorreu na cidade.

Nelquiades Fernandes, escalou o pastor José Mauro, para participar da cerimônia ecumênica, que reuniu representantes espiritas e um padre católico, para celebrar o matrimônio de 86 casais, na cidade de Cataguazes, na zona da mata do estado.

Os dois casais homossexuais estavam entre os 86 casais, e foram igualmente abençoados pelo pastor, que naturalmente sabia que os homossexuais estavam entre os candidatos ao casamento. A imprensa local já havia divulgado amplamente a realização desse casamento, e enfatizando a celebração inédita no município, de um casamento homoafetivo.

+ Luto: Pastor comete suicídio e perde luta contra a depressão

Nelquiades, presidente da Assembleia de Deus local, também é candidato a deputado federal e alegou que o caso teria se tratado de uma armadilha, para prejudicar sua campanha.

Em nota, ele tentou esclarecer a situação:

“Nota de esclarecimento

Em virtude de um casamento comunitário na cidade de Cataguases-MG, um obreiro da Igreja foi convidado a participar do evento, assim como várias outras autoridades eclesiásticas. A seleção dos postulantes ao casamento é feita pelo órgão público, não havendo qualquer intervenção de terceiros. A presença do obreiro teve o objetivo de abençoar os casais que se uniram conforme os preceitos e ordenanças das Sagradas Escrituras: “Portanto deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á à sua mulher, e serão uma só carne.” Gn 2.24. Está é e sempre continuará sendo a posição da Igreja, “casamento de um homem com uma mulher”. A Bíblia é a nossa infalível e inerrante regra de fé! Deus abençoe a todas e que as Bênçãos do Senhor estejam sobre todos aqueles que andam em obediência a sua Palavra. Pr. Nelquiades Fernandes”

Pastor Nelquiades Fernandes (reprodução)

Pastor Nelquiades Fernandes (reprodução)




Aniversariante do mês
Michael W. Smith

Cantor, compositor, ator, guitarrista e tecladista

61 anos


publicidade

Mais artigos

Flordelis é flagrada usando acessório do marido após afirmar que havia desaparecido

O pastor foi assassinado no dia 16 de junho, e alguns objetos desapareceram segundo a própria cantora


“Safadeza, preconceito e bandidagem”, diz Malafaia sobre isenção de tributos

Durante uma entrevista, o pastor Silas Malafaia abordou vários assuntos sobre a situação da política atual, incluindo principalmente o governo Bolsonaro


Voz da Verdade canta Raul Seixas durante culto e evangélicos desaprovam

O vídeo está circulando pela web e dividindo a opinião dos evangélicos


Cantor gospel baleado na cabeça apresenta melhoras

Mariane afirmou que, de acordo com a médica o cantor gospel está reagindo bem. Além disso, foi retirada dele toda sedação, incluindo a noradrenalina


Recém casada, cantora gospel se decepciona com “gravidez indesejada”

Nesse domingo (14), a cantora gospel usou sua conta do Facebook e deu a triste notícia aos seus seguidores


15 artistas gospel que envelheceram com o FaceApp

Veja 15 artistas gospel que entraram na brincadeira e estão se divertindo com os resultados


Caso Flordelis: Polícia já sabe tudo

Um mês após o assassinato do pastor Anderson do Carmo a polícia diz ter solucionado o crime


Vídeo: Padre Marcelo Rossi manda mensagem após ataque de fiel

No vídeo, o religioso agradeceu a Maria e atribuiu a ela o fato de não ter havido danos maiores


Urgente! Padre Marcelo Rossi é atacado e derrubado do palco durante missa

Gritos foram ouvidos e a missa que era transmitida ao vivo, foi imediatamente interrompida.


Priscilla Alcantara na mira da justiça

A artista gospel deve ser citada judicialmente nos próximos dias e terá 15 dias para se manifestar sobre o caso.