Pastores não se suicidam há 5 meses: o que explica mortes no fim de 2017?

Epidemia de suicídios de pastores assustou evangélicos no fim de 2017


Publicado em: 13/06/18 às 14:57 por Thalita G | Atualizado em 13/06/2018 às 15:06

Pastores não se suicidam há 5 meses; o que explica mortes no fim de 2017?

Compartilhe:

O ano de 2017 foi definitivamente um ano difícil para os evangélicos, mas nada se comparou ao fato histórico de termos testemunhado a morte por suicídio de tantos pastores.

Os meses entre Novembro e Janeiro, deixaram como saldo, quatro pastores mortos. Na maioria dos casos, o argumento usado pela família para justificar os suicídios, foram quase sempre “depressão”.

+ Quem eram os pastores que se suicidaram em 2017? Conheça cada um deles.

As mortes por suicídios de pastores começaram a chamar a atenção, depois que o pastor Julio Cesar foi encontrado morto. Ele era uma grande liderança na Assembleia de Deus em Araruama, na região dos lagos, Rio de Janeiro. Sua morte chocou a comunidade evangélica, e pastores amigos disseram não entender como ele pode tomar tal decisão.

A partir dai, o pastor Moisés Ricardo, da Assembleia de Deus  da cidade de Cornélio Procópio, no interior do Paraná, também foi encontrado morto, seguindo o mesmo modus operandi.

O último suicídio registrado pela mídia em 2017, envolvendo um líder religioso, foi o da pastora Lucimari Alves Barro, da cidade de Criciúma em Santa Catarina.

Ela também tirou a própria vida usando uma corda, e sua morte assustou ainda mais os evangélicos. Ela era pastora da Igreja do Evangelho Quadrangular.

Já em 2018, no dia 29 de janeiro foi registrada a morte, também por enforcamento, do pastor da Igreja Assembleia de Deus Ministério Rio Comprido, na cidade de Espera Feliz em Minas Gerais, Gilson Genário Rodrigues. Esse foi o primeiro caso de suicídio de um pastor, registrado pela imprensa em 2018.

Desde então, 5 meses se passaram e as mortes por suicídio de lideres religiosos, simplesmente pararam.

É possível que algum fenômeno espiritual tenha ocorrido durante este período, ou foi apenas mera coincidência? Comente abaixo com sua opinião.

Ludmila Ferber revela tipo de câncer e usa lenço pra esconder queda de cabelo

A pastora e cantora gospel Ludmila Ferber, está no centro das atenções no meio evangélico desde que anunciou que estava se tratando de um câncer.

A notícia foi recebida com muita comoção por parte dos amigos e seguidores da cantora, que publicaram mensagens em apoio e se comprometeram a orar por Ludmila. Vários famosos usaram as redes sociais para expressar algum tipo de solidariedade a pastora, neste momento tão difícil que ela enfrenta.

No entanto, Ludmila Ferber vinha mantendo longe do público a informação sobre o tipo de câncer a que foi acometida. Segundo o site Gospel Post, Ludmila falou pela primeira vez abertamente sobre a doença.

Em um vídeo que o site publicou, a pastora revela que o diagnóstico apontou que o câncer está no pulmão.

Ludmila Ferber já iniciou o tratamento com quimioterapia, já é possível perceber os efeitos das sessões em seu corpo. A pastora está utilizando um lenço na cabeça, para encobrir a queda de cabelo, cada vez mais visível.

Compartilhe:



Mais artigos

O plano “B” de Malafaia sobre Bolsonaro

O líder religioso é um dos principais "Espiritual Influencer" do Brasil e já apoiou alguns candidatos que depois lhe causaram decepção


Pastora lésbica faz declaração na TV e constrange evangélicos

A pastora se utilizou de um argumento já ultrapassado da comunidade LGBT de que a orientação sexual homossexual seria algo de nascença


Cantor secular doa piano de R$ 60 mil para igreja evangélica e revolta fãs

A doação gerou polêmica pois o artista está devendo a pensão alimentícia do filho Matheus, de 6 anos


Haddad perde mais uma e é condenado a pagar 80 mil por ofensas a Edir Macedo

Além da condenação, Haddad também terá que se retratar, sob pena de multa de R$ 1.000 por dia de atraso


Tragédia: Sofrendo com depressão há dois anos, pastor evangélico tira a própria vida

Ultimamente casos de suicídios entre pastores estão aumentando e preocupando a liderança evangélica no Brasil


Fernanda Brum vai responder na justiça por não comparecer a evento gospel. Saiba qual

A organização do Clama Bahia informou por meio de nota, que irá entrar na justiça contra a cantora


Após denuncias de abuso sexual MP de Goiás pede prisão do médium João de Deus

A medida foi requerida após o MP receber mais de 200 denúncias das supostas vítimas do líder religioso


Jovem evangélico cresce na web e rompe barreira do gospel

O sucesso nas redes sociais tem atraído cada vez mais os jovens e adolescentes


Urgente: Pastor evangélico eleito deputado federal em 2018, é preso em operação da PF

Outras seis pessoas foram detidas na ação de combate a desvios de recursos públicos do fundo partidário e fundo especial de financiamentos de campanha


Ana Paula Valadão revela que as igrejas não estão mais cantando suas músicas e cai no choro

Ela lamentou a situação e chegou a derramar lágrimas, dizendo que os últimos discos não foram bem aceitos como os dos anos 2000