Reuel e Hueslen montam o ”circo” do Gideões em meio a escândalos

Os apelos enjoativos por ofertas, estão ainda mais chatos e insistentes


Publicado em: 27/04/18 às 15:23 por Thalita G | Atualizado em 27/04/2018 às 15:23

Pastor Reuel e Hueslen Santos (Foto: Matheus Martins)

Compartilhe:

O congresso Gideões Missionários da Última Hora, está acontecendo na pacata cidade Camboriú em Santa Catarina. Apesar das polêmicas que cercaram a instituição nos meses que antecederam a 36ª  edição do que já foi um respeitado congresso de missões, Gideões claramente definha com seu presidente.

Reuel Bernardino, se utilizando de medicamentos para se manter em alerta, procura a todo instante passar a imagem de que tudo vai bem; Ele brinca e força alguns sorrisos, ao mesmo tempo em que aguarda ansioso pelo fim dos longos dias de congresso, para poder então embarcar em seu dias de férias nos Estados Unidos.

Apesar de a prefeitura de Camboriú ter autorizado o repasse de até R$300 mil reais para o congresso, esse valor não será suficiente para retirar a instituição do buraco em que se meteu. Dividas gigantes forçaram demissões em massa, e os poucos funcionários que restaram estão sobrevivendo com ”Vales”.

Para passar a imagem de que a instituição é séria e que tem o apoio das grandes lideranças, no próximo domingo o presidenciável Jair Bolsonaro estará por lá. Bolsonaro obviamente não irá pregar, estará apenas cumprindo sua parte no acordo que aparentemente tem com Reuel, afinal, o próprio presidente do Gideões garantiu 46 mil votos para o candidato à presidência.

Se antes era interessante pagar até R$30 mil para pregar no Gideões, hoje é melhor cobrar para pregar lá, ou até mesmo recusar o convite. Vários pastores recusaram o convite de Reuel esse ano, e isso fez com que a lista fosse inflada de nomes ”Anônimos”.

Mais uma vez a esposa do pastor Cesino Bernardino foi desprezada no congresso que o seu marido idealizou a mais de trinta anos. Já longe de Santa Catarina e das tenebrosas garras de Reuel e sua esposa, a ”Irmã Elba” parece ter escolhido o exílio à viver perto do enteado, a saber, Reuel Bernardino.

As 1178 famílias que integram os números mágicos do Gideões, continuam anônimas. Vale lembrar que esse número é tão fantasioso, que vem sendo usado pela instituição a vários anos. Mesmo depois da morte do pastor Cesino e com tantas demissões de funcionários e missionários, eles ainda continuam com o mesmo número de famílias que seriam sustentadas por eles.

Na edição deste ano, muita gente compareceu, mas se estima que o público será a metade do que compareceu no ano passado. As caravanas que cortavam o país para chegar á Camboriú nessa época, tiveram uma enorme redução.

Os apelos enjoativos por ofertas, estão ainda mais chatos e insistentes, já que as pessoas estão contribuindo cada vez menos.

Compartilhe:



Mais artigos

Apóstolo brasileiro promove natal solidário no Haiti para crianças carentes

Através das redes sociais Valdir Reis divulgou a alegria das crianças, e prestou contas sobre o que foi arrecadado


Quem é a cantora gospel que se consultou com o médium “João de Deus”

Muitas pessoas passaram pela casa Dom Inácio de Loyola, no interior de Goiás, onde o médium realizava "procedimentos de cura"


Urgente: Morre irmão de Delino Marçal e cantor gospel toma decisão inesperada

O cantor usou as redes sociais para informar aos amigos e fãs que estava de luto


Cantora gospel tenta suicídio após vazamento de fotos íntimas na internet

Um boletim de Ocorrência foi registrado no local e o caso segue sobre investigação


“Soul não é igreja, e eu não sou Cristão”, declara Kleber Lucas em desabafo na internet

A declaração foi a mais polêmica do cantor desde que se tornou alvo da crítica dos evangélicos


A frase de Abílio Santana que calou Sargento Isidório durante diplomação

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) diplomou na tarde dessa segunda-feira (17), 137 políticos baianos eleitos em outubro passado


Priscilla Alcantara abre mão de affair e toma decisão inesperada

A decisão de Priscilla vai marcar uma nova era e um nova história em sua carreira e em seu ministério


Depois de gravar música gospel, Simone demite funcionários e toma decisão

Simone se diz evangélica, mas por alguma razão, algum pastor concordou com o fato dela continuar com sua carreira na música secular.


Emocionada Neide Martins se despede dos fãs, “Quem tem chamada não pode parar”

A cantora gospel Neide Martins usou a seu Instagram para agradecer aos pastores e líderes das igrejas em que cantou quando fazia dupla com Alisson


Cindy Trimm estará no Congresso Fogo de Avivamento para o Brasil 2019

A 11º edição do Congresso Fogo de Avivamento para o Brasil no mês de março do próximo ano