Gideões cria campanha suspeita e confirma falência da instituição

Chamada de "Campanha das 1.178 pessoas),  a proposta é que, cada pessoa contribua com o valor de R$500,00.


Publicado em: 30/12/17 às 21:00 por Thalita G | Atualizado em 30/12/2017 às 21:22

Pastor Reuel Bernardino

Compartilhe:

A instituição Gideões Missionários da Última Hora, que há anos alega cuidar de exatas 1.178 famílias, está vivendo um caos generalizado. São missionários e funcionários com salários atrasados, demissões em massa e constante venda de bens para pagar dividas.

Em Camboriú-SC, a instituição que já foi um grande referencial de geração de renda e contribuição à comunidade, tem se tornado motivo de “piada” em grupos de Whatsapp e em páginas na internet. O projeto que antes era claramente um “Ministério” nas mãos do pastor Cesino Bernardino, para os herdeiros parece ser apenas um “Negócio” mal-sucedido.

Recentemente o site do Gideões passou a exibir um banner divulgando uma nova campanha. Chamada de “Campanha das 1.178 pessoas),  a proposta é que cada pessoa contribua com o valor de R$500,00.

Site do Gideões (Reprodução)

Site do Gideões (Reprodução)

O que chama a atenção nessa campanha, é que 1.178 é exatamente o número de missionários que a instituição diz sustentar.

Apesar de não ficar claro qual seria o destino desse dinheiro, subentende-se que seria um valor a ser repassado para o sustento dos missionários.

A verdade 

Como já falamos aqui há muito tempo, esses mais de mil missionários sustentados pelo Gideões, não existem. O número de pessoas que recebem ajuda de custo da instituição, não chega a 800. Desses, pelo menos 450 são de cuba, e recebem uma ajuda de custo de $22 dólares (R$72 reais). Os missionários que recebem um salário e dependem exclusivamente do Gideões, não chegam à 200 (Famílias).

Homem liga para o programa do Gideões e humilha apresentadores

Nesse mesmo período no ano passado, o Gideões mantinha cerca de 112 funcionários, hoje, são 38, os demais foram demitidos. Dos funcionários que ficaram, a grande maioria está à três meses sem receber salário, outros estão à dois meses. Nenhum deles recebeu décimo terceiro.

Natal Missionário

Todos os anos o saudoso pastor Cesino embarcava em uma extensa agenda pelo mundo, para arrecadar fundos que seriam investidos no projeto que chamam de “Natal Missionário”. Sempre muito bem recebido, era comum que o pastor trouxesse grandes quantias em dinheiro, que era usado para fazer a alegria de muitas famílias.

Este ano, o pastor Reuel Bernardino, presidente da instituição, viajou pelos EUA, visitando igrejas em busca das mesmas ofertas que o pai recebia. No fim, ele trouxe cerca de USD3.000 (Três mil dólares). Apesar da baixa arrecadação, Reuel trouxe 8 Iphones 8, pagos com cartão de crédito da instituição, para presentear a família. Há!! para facilitar na alfandega, ele levou a filha e amigos na viagem, custeados pelo Gideões também.

Então, a pergunta é; Em que será usado o dinheiro arrecadado nessa nova campanha?

Será para pagar o atraso dos salários dos funcionários, ou será revertido para os missionários, como a campanha aparentemente sugere?  É importante lembrar, que mesmo sem pagar salário de missionários, a diretoria continua com salário em dia.

Compartilhe:



Mais artigos

Pastora lésbica faz declaração na TV e constrange evangélicos

A pastora se utilizou de um argumento já ultrapassado da comunidade LGBT de que a orientação sexual homossexual seria algo de nascença


Cantor secular doa piano de R$ 60 mil para igreja evangélica e revolta fãs

A doação gerou polêmica pois o artista está devendo a pensão alimentícia do filho Matheus, de 6 anos


Haddad perde mais uma e é condenado a pagar 80 mil por ofensas a Edir Macedo

Além da condenação, Haddad também terá que se retratar, sob pena de multa de R$ 1.000 por dia de atraso


Tragédia: Sofrendo com depressão há dois anos, pastor evangélico tira a própria vida

Ultimamente casos de suicídios entre pastores estão aumentando e preocupando a liderança evangélica no Brasil


Fernanda Brum vai responder na justiça por não comparecer a evento gospel. Saiba qual

A organização do Clama Bahia informou por meio de nota, que irá entrar na justiça contra a cantora


Após denuncias de abuso sexual MP de Goiás pede prisão do médium João de Deus

A medida foi requerida após o MP receber mais de 200 denúncias das supostas vítimas do líder religioso


Jovem evangélico cresce na web e rompe barreira do gospel

O sucesso nas redes sociais tem atraído cada vez mais os jovens e adolescentes


Urgente: Pastor evangélico eleito deputado federal em 2018, é preso em operação da PF

Outras seis pessoas foram detidas na ação de combate a desvios de recursos públicos do fundo partidário e fundo especial de financiamentos de campanha


Ana Paula Valadão revela que as igrejas não estão mais cantando suas músicas e cai no choro

Ela lamentou a situação e chegou a derramar lágrimas, dizendo que os últimos discos não foram bem aceitos como os dos anos 2000


Sarah Farias irrita pastores com exageros e começa a perder agenda

Quando a cantora recebe uma oportunidade para cantar uma ou duas musicas, ela canta seis, desconstruindo a programação do culto.