noticias gospel

Porque Perlla não fala a verdade, sobre o que Silas Malafaia fez por ela?

Perlla teve o aluguel de R$3.000 pago pela gravadora de Silas Malafaia

Publicado em: 27/11/17 as 11:42 por Thalita Guedes Fontes
Porque Perlla não fala a verdade, sobre o que Silas Malafaia fez por ela?
Compartilhe:

Perlla, a cantora que passou a gravar música gospel depois de “falir” no funk, e recentemente voltou para o funk depois de falir na música gospel, disse durante uma entrevista na última semana, que foi “escorraçada e humilhada” dentro da igreja.

A notícia rapidamente se espalhou em vários sites de notícias gospel, e portais de noticia secular que colocam Perlla como uma vítima do sistema religioso.

Como sempre, o O Fuxico Gospel tem o compromisso de mostrar a verdade dos fatos, e depois de uma rápida pesquisa, apuramos que Perlla não tem muito do que se queixar com relação a sua passagem pelo mundo gospel.

Como todos sabem, foi o pastor Silas Malafaia quem “abraçou” e investiu na carreira de Perlla. A gravadora Central Gospel deu a cantora um ótimo contrato, produziu um disco de ótima qualidade “musical” e foi muito além disso.

Leia: De olho na fama: Bruna Karla aceita novo convite da Globo

No início da conversão, quebrada, Perlla morava na casa da sogra com a família. A casa relativamente pequena, tinha um problema de mofo, e era muito difícil ficar dentro dos cômodos por muito tempo, já que o cheiro incomodava bastante.

Segundo apuramos, Cassio Castinhol, esposo de Perlla, procurou a Central Gospel à época, pedindo uma ajuda com esse problema. Elba Alencar, diretora da gravadora, liberou sob autorização do pastor Silas Malafaia, que a Central Gospel pagasse o aluguel da cantora.

Perlla então aluguel um ótimo apartamento no Recreio-RJ, no valor de R$3.000,00 (três mil reais), onde viveu por mais de 1 ano.

Não foi confirmado se o valor do aluguel que a gravadora pagava, posteriormente chegou a ser descontado dos rendimentos da cantora, de qualquer forma, é inegável que o pastor Silas Malafaia através da gravadora, ajudou e muito a cantora e sua família.

Interessante que Perlla não conta isso nas entrevistas em que tem “arrotado” vitimismo, tentando passar a imagem de que a igreja não a ajudou ou não a acolheu.

Compartilhe: