noticias gospel

Cantor gospel que assumiu ser gay se irrita com críticos

Ele chamou de recalcados os que o criticaram por sua decisão

Publicado em: 21/11/17 as 9:04 por Thalita Guedes Fontes

Compartilhe:

Lucas Miziony, o cantor gospel que abandonou a carreira após assumir ser homossexual, acaba de lançar um disco com 4 músicas inéditas.

A primeira música do álbum (EP) chamado de “Homem ou Mulher”, trás uma forte crítica aos que o cantor chama na música de recalcados. Possivelmente se referindo aos que não concordam com sua decisão de abandonar seu ministério e seguir carreira secular.

Na capa do álbum, Lucas Miziony que quando era cantor gospel se apresentava como Lucas Fernandes, aparece de drag queen, deixando claro sua opção sexual.

Depois que o O Fuxico Gospel publicou a matéria sobre o novo trabalho do ex – cantor gospel, vários sites de notícias gospel passaram a republicar a informação, Lucas no entanto, parece vibrar com cada matéria que sai a respeito.

Veja o que ele escreveu sobre a reportagem:

Se entre os evangélicos o cantor tem encontrado uma forte resistência em aceitar sua decisão, amigos drags e simpatizantes do público LGBT tem o apoiado e manifestado esse apoio nos comentários.

A maioria dos apoiadores usam o argumento de que, a repercussão do caso é publicidade para o trabalho do cantor.

Nas publicações a respeito do cantor ter largado seu ministério na música gospel e “saído do armário”, alguns evangélicos preferem comentar que, foi melhor ele ter saído da igreja e fazer o que queria fora, do que estar dentro da igreja com a vida destruída.

Como não nos cabe julgar, oremos pela vida desse rapaz.

Compartilhe: