noticias gospel

3 razões pra não gostar da nova música do Preto no Branco

Publicado em: 17/03/17 as 18:32 por Micael Batista

Compartilhe:

O Preto no Branco finalmente lançou o single mais esperado da banda em 2017.
Pelo menos era esse o merchan a respeito da música “Fé na Vida“.

A gravadora usou todos os seus recursos para fazer um grande lançamento, vários artistas gravaram depoimentos sobre o que as pessoas podiam esperar do single, e do clipe, que foi produzido pela galera da Balaio Music.

Não tem oque falar da produção, o pessoal da Balaio Music são muito bons no que fazem, a proposta ficou realmente sensacional.
O único problema, é que o clipe não tem nada haver com o meio gospel.

Para provar que o Preto no Branco errou nesta música, iremos listar 3 razões para qualquer evangélico não aprovar a nova música da banda.

Vamos lá?

1 – Ninguém explica a nova música

Depois do assombroso sucesso da música “Ninguém explica Deus”, o mínimo que poderia se esperar, era uma canção ainda mais congregacional.
Uma música que pudesse ser cantada pelas equipes de louvor nas igrejas, ou até por um cantor solo. No entanto, o Preto no Branco trás uma música de rádio, aquelas que servem pra ouvir no som do carro enquanto viajamos.
É difícil explicar, como a banda pode mudar tão drasticamente a sua proposta musical.

2 – É mesmo uma música gospel?

É realmente difícil entender se a música é gospel, ou apenas uma daquelas canções do Jota Quest.
 A pergunta é válida, já que hoje em dia é difícil separar uma coisa da outra.
É fato que a coisa tá feia no mercado gospel, tanto que até o consagrado cantor e pastor Kleber Lucas, acabou tendo que apelar e cantou a música “Epitáfio” do Titãs,  depois de uma pregação recentemente.
Sendo assim, realmente está difícil de separar uma coisa da outra.
De qualquer forma, prefiro “Ninguém explica Deus”.

3 – Fé na vida, e Deus?

Você ouviu a nova música do Preto no Branco até o fim?
Encontrou a palavra “Deus”?
Ah sim, na seguinte frase: Se Deus quiser o jogo vira.
Pois é, essa foi a observação mais presente nos comentários do vídeo no canal do VEVO, onde foi postado, a música praticamente não cita Deus.
Vamos assistir?

Compartilhe: