Imunidade tributária das igrejas está por um fio


Publicado em: 20/03/17 às 6:22 por Micael Batista | Atualizado em 31/08/2017 às 23:22


Compartilhe:
De acordo com o art. 150 da Constituição de 1988, a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios são proibidos de instituir impostos sobre “templos de qualquer culto”.
No entanto, uma sugestão popular que já está sendo analisada pelo Senado (SUG 2/2015) propõe a extinção da imunidade tributária das igrejas.
A matéria aguarda parecer na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), mas já recebeu quase de 109 mil votos de apoio, e quase 107 mil contrários, no site Consulta Pública, do portal e-Cidadania do Senado.Coube ao senador José Medeiros (PSD-MT) ficar com a relatoria da sugestão popular na CDH.

— Nós estamos preparando o relatório, ouvindo pessoas de ambas as partes, construindo, mas não definimos ainda a linha que sairá o relatório. Lembrando que há argumentos de toda sorte. Há argumentos de que as igrejas usam isso para enriquecer seus comandantes. Outros argumentos de que as igrejas prestam um relevante serviço social e que as igrejas fazem parte do papel que é do Estado, levando cursos de formação, apoio psicológico e outros. São argumentos que devem ser levados em conta de ambas as partes, mas não temos ainda formada a convicção a respeito do tema — declarou o senador.

Conforme o texto constitucional, a proibição de os entes federativos criarem impostos sobre templos de qualquer culto compreende apenas “o patrimônio, a renda e os serviços relacionados com as finalidades essenciais das entidades”. Essa imunidade tributária pode ser entendida como uma extensão de outros mandamentos da Constituição, como a garantia à liberdade de crença e o livre exercício de cultos religiosos. Assim, locais de culto não pagam IPTU, os veículos usados pelo templo não pagam IPVA e das doações e dízimos recebidos não é cobrado imposto de renda, por exemplo.
Sugestão popular

Veja o que diz Maria Simões, criadora do site Evangelho Gratuito sobre o tema.

Compartilhe:



Mais artigos

Bomba! Vaza video de cantor gospel fazendo sexo oral em rapaz

Depois que o vídeo vazou, todas as redes sociais do cantor gospel foram excluídas, e até o momento, ele não se manifestou sobre o caso.


“Não tenho realmente mais nada a perder”, diz Ludmila Ferber em post do Instagram

A pastora Ludmila Ferber luta contra um câncer no pulmão diagnosticado em março deste ano


André Valadão toma decisão e fala o que pensa sobre Damares Alves

Por dizer que teve uma visão de Jesus em um pé de goiaba, e que Ele a convenceu a não cometer o suicídio, ela passou a ser ironizada nas redes sociais


Polêmica envolvendo Magno Malta e Cabo Daciolo divide mundo gospel

Magno Malta apoiou Bolsonaro para presidente ao invés de Daciolo, assim como a maioria dos evangélicos


O plano “B” de Malafaia sobre Bolsonaro

O líder religioso é um dos principais "Espiritual Influencer" do Brasil e já apoiou alguns candidatos que depois lhe causaram decepção


Pastora lésbica faz declaração na TV e constrange evangélicos

A pastora se utilizou de um argumento já ultrapassado da comunidade LGBT de que a orientação sexual homossexual seria algo de nascença


Cantor secular doa piano de R$ 60 mil para igreja evangélica e revolta fãs

A doação gerou polêmica pois o artista está devendo a pensão alimentícia do filho Matheus, de 6 anos


Haddad perde mais uma e é condenado a pagar 80 mil por ofensas a Edir Macedo

Além da condenação, Haddad também terá que se retratar, sob pena de multa de R$ 1.000 por dia de atraso


Tragédia: Sofrendo com depressão há dois anos, pastor evangélico tira a própria vida

Ultimamente casos de suicídios entre pastores estão aumentando e preocupando a liderança evangélica no Brasil


Fernanda Brum vai responder na justiça por não comparecer a evento gospel. Saiba qual

A organização do Clama Bahia informou por meio de nota, que irá entrar na justiça contra a cantora