Depois de 29 anos, pastor Jabes Alencar não é mais o presidente da AD Bom Retiro


Publicado em: 13/03/17 às 19:58 por Micael Batista | Atualizado em 31/08/2017 às 23:32


Compartilhe:

 

O pastor Jabes Alencar, líder e fundador da igreja Assembleia de Deus Bom Retiro (ADBR) anunciou oficialmente na tarde desta segunda feira (13), o seu afastamento permanente da presidência do ministério.
Em nota, a assessoria da igreja comunicou que, devido a alguns problemas que vem fragilizando a saúde do pastor Jabes, ele, junto com a sua esposa, pastora Nani Alencar, bem como toda a diretoria da igreja, concordaram que seria melhor para a igreja, que o pastor Jabes se dedique a recuperar sua saúde e com isso, passe a presidência da igreja para que outra pessoa com seus princípios e amor a obra, assuma  o seu lugar.
A pessoa escolhida para assumir a presidência da assembleia de Deus Bom Retiro, foi um amigo de longa data do pastor Jabes, o pastor Samuel Ferreira, presidente da AD Brás (Assembleia de Deus Ministério de Madureira).
Os dois pastores dividem uma longa história de amizade e respeito mútuo, e por essa razão, o pastor Samuel Ferreira aceitou assumir a presidência da ADBR.
Segundo a nota, pouca coisa irá mudar, o nome da igreja continuará o mesmo, os dias de culto e liturgia também não sofreram nenhum tipo de alteração.
Basicamente, só a presidência irá mudar a principio.
A transição ocorrerá na noite desta segunda-feira, durante as festividades de comemoração dos 29 anos da igreja.
Leia a nota na íntegra:
“São Paulo – Em virtude da frágil condição de saúde do Pastor Jabes Alencar, presidente da Assembleia de Deus Bom Retiro, conhecida como ADBR, a denominação passa a ser presidida pelo Pastor Samuel Ferreira.
A transição acontece nesta segunda-feira, 13 de março, a partir das 19 horas, na sede da ADBR, na Av. Nicolas Boer, 100 – Barra Funda (SP).
A notícia foi compartilhada com a diretoria de ambos os ministérios e bem recebida por todos, sem ressalvas.
Presidente da AD Brás (Assembleia de Deus Ministério de Madureira), o Pastor Samuel Ferreira, que tem fortes e antigos laços fraternais com o Pastor Jabes Alencar, passa a presidir a ADBR administrativa e eclesiasticamente.
Não haverá mudanças significativas na igreja. Serão mantidos o nome, a programação e liturgia dos cultos.
A nova diretoria será integrada por membros de ambos os ministérios.”Veja também: Assista a entrevista do Pastor Silas Malafaia ao Conexão Repórter

Compartilhe:



Mais artigos

Bomba! Vaza video de cantor gospel fazendo sexo oral em rapaz

Depois que o vídeo vazou, todas as redes sociais do cantor gospel foram excluídas, e até o momento, ele não se manifestou sobre o caso.


“Não tenho realmente mais nada a perder”, diz Ludmila Ferber em post do Instagram

A pastora Ludmila Ferber luta contra um câncer no pulmão diagnosticado em março deste ano


André Valadão toma decisão e fala o que pensa sobre Damares Alves

Por dizer que teve uma visão de Jesus em um pé de goiaba, e que Ele a convenceu a não cometer o suicídio, ela passou a ser ironizada nas redes sociais


Polêmica envolvendo Magno Malta e Cabo Daciolo divide mundo gospel

Magno Malta apoiou Bolsonaro para presidente ao invés de Daciolo, assim como a maioria dos evangélicos


O plano “B” de Malafaia sobre Bolsonaro

O líder religioso é um dos principais "Espiritual Influencer" do Brasil e já apoiou alguns candidatos que depois lhe causaram decepção


Pastora lésbica faz declaração na TV e constrange evangélicos

A pastora se utilizou de um argumento já ultrapassado da comunidade LGBT de que a orientação sexual homossexual seria algo de nascença


Cantor secular doa piano de R$ 60 mil para igreja evangélica e revolta fãs

A doação gerou polêmica pois o artista está devendo a pensão alimentícia do filho Matheus, de 6 anos


Haddad perde mais uma e é condenado a pagar 80 mil por ofensas a Edir Macedo

Além da condenação, Haddad também terá que se retratar, sob pena de multa de R$ 1.000 por dia de atraso


Tragédia: Sofrendo com depressão há dois anos, pastor evangélico tira a própria vida

Ultimamente casos de suicídios entre pastores estão aumentando e preocupando a liderança evangélica no Brasil


Fernanda Brum vai responder na justiça por não comparecer a evento gospel. Saiba qual

A organização do Clama Bahia informou por meio de nota, que irá entrar na justiça contra a cantora