Pr. Silas Malafaia celebra vitória sobre ativismo gay


Publicado em: 17/02/17 às 23:08 por Micael Batista | Atualizado em 01/09/2017 às 0:13




O pastor Silas Malafaia chamou de “vergonhosa” a atitude de parte da mídia nacional, ao comentar sobre a decisão do mais importante Tribunal de Direitos Humanos do planeta, que representa a União Europeia.
Malafaia explicou que por uma votação unanime, o tribunal decidiu que o casamento gay não é considerado um direito humano.

O pastor criticou a postura da imprensa em não repercutir o assunto, e leu parte do documento que discorre sobre a decisão.

Assista:
Baixe o aplicativo do O Fuxico Gospel gratuitamente




publicidade

Mais artigos

Nove mentiras de Flordelis

Relembre agora algumas mentiras contadas por Flordelis sobre o crime


Mãe de Anderson revela que filho biológico de pastor na verdade é adotado

Anderson tratava Daniel de maneira diferenciada, o jovem na realidade era o "xodó" do pai


Wesley Ros comemora lançamento do clipe Fogo de Deus

Fogo de Deus, é uma linda canção conceituada em países latinos através do grupo musical ROJO


Trama para matar Anderson do Carmo teria iniciado em 2018

Há indícios que a trama para matar o pastor teria iniciado em outubro do ano passado


Pastor Josué Brandão celebra aniversário do filho com mensagem emocionante

O pastor publicou uma linda mensagem em sua conta no Instagram


Davi Sacer surpreende seguidora com resposta no Instagram

O cantor gospel havia publicado o vídeo de um clipe da música Enfermo de Amor


Ministra Damares Alves recebe o pastor Gilmar Santos em Brasília

O pastor Gilmar Santos foi à Brasília defender interesses da convenção


Padre é preso por gastar R$ 400 mil da igreja com homens que conheceu em app gay

O padre abriu uma conta secreta e desviava as doações da paróquia


Dona da Mk toma decisão sobre Flordelis

Yvelise Oliveira se mantém em silêncio apesar de acompanhar de perto o desfecho do caso


Reviravolta: Flordelis acusa Misael de sumir com o celular de Anderson no dia do crime

Flordelis afirma que Misael pediu para um amigo da família pegar o celular na sua casa