noticias gospel

Novas denúncias inflamam crise na AD de Matriz do Camaragibe

Publicado em: 19/11/16 as 11:53 por Micael Batista

Compartilhe:
Pastor José Miguel ao lado da esposa

Recentemente publicamos uma denuncia feita por um grupo de membros da igreja evangélica Assembleia de Deus, da cidade de Matriz do Camaragibe no interior de Alagoas.
Segundo a denuncia, o atual pastor da igreja, José Miguel, estaria abusando de sua autoridade na igreja e por conta disso não estaria agradando.
O mesmo grupo de denunciantes entrou em contato com o presidente da Assembleia de Deus em Alagoas, pastor Orisvaldo Nunes, a fim de obter dele um auxilio quanto ao problema enfrentado pela igreja, pelo fato de que José Miguel foi remanejado para Matriz através dele.

Depois que a matéria foi publicada no O Fuxico Gospel, foi compartilhada em diversos sites de notícias gospel do país. O pastor José Miguel reuniu a liderança da igreja para falar sobre o assunto, ele revelou que, o pastor Orisvaldo teria lhe informado das denuncias e pediu que ficasse em paz, que nada aconteceria com ele.

Durante a mesma reunião, o pastor teria questionado se alguém teria algo contra ele e que se tivesse iria sofrer as consequências, já que o presidente geral do estado está ao seu lado nessa guerra interna.

Não bastasse o jugo a que a liderança da igreja está sendo submetido, José Miguel continua deixando a desejar em alguma de suas ações, a exemplo do altar da igreja que foi reformado recentemente, utilizando os serviços de um empresário da igreja, e a igreja ainda não teria acertado o pagamento.

Confira na imagem:

Altar da Assembleia de Deus de Matriz do Camaragibe

Um outro ponto intrigante, é a construção do templo que foi iniciada anos atrás sob a administração do pastor Jairo Teixeira, as obras continuam paradas e não se sabe se, ou quando ele pretende concluí-las.
Construção abandonada da Assembleia de Deus de Matriz do Camaragibe

Um outro problema enfrentado pelos membros da AD de Matriz, é a deterioração da Orquestra Doce Harmonia, uma tradição nas igrejas Assembleia de Deus, e segundo informações, o maestro que atuava a frente da orquestra a mais de 38 anos, preferiu se afastar da orquestra por falta de apoio.
Banda de música da Assembleia de Deus de Matriz do Camaragibe

Além das diversas criticas a liderança do pastor José Miguel, os problemas não param por ai, são inúmeras as denuncias também envolvendo o comportamento de seus filhos.
Vamos continuar acompanhando esse caso, e em breve teremos mais informações.

Compartilhe: