Membros da AD em Alagoas, denunciam pastor e pedem sua substituição URGENTE!

Publicado em: 25/10/16 as 19:00 por Micael Batista
Compartilhe:
O presidente das Assembleia de Deus do estado de Alagoas, pastor Orisvaldo Nunes, recebeu recentemente via WhatsApp, uma série de denuncias feitas por um grupo de membros da AD do município de Matriz do Camaragibe, a 75 KM de Maceió.
Nas mensagens, o grupo se disse extremamente insatisfeito com o novo líder local, o pastor José Miguel.
Segundo a denúncia, desde a saída do último pastor, Jairo Teixeira, a igreja vem sofrendo com uma má liderança. Entre as principais criticas estão o fato de que o atual pastor não informa a igreja o que é feito com os dízimos e ofertas, como é costume nas Assembleia de Deus, e inclusive era praticado na liderança anterior.
Eles reclamam que as pregações são cheias de desabafos e confrontos, onde o pastor não doutrina mas tende a humilhar a igreja.
O fornecimento de luz elétrica de algumas congregações foram suspensos por falta de pagamento, fruto segundo eles, de má administração.
Foi negociado um terreno com um homem na cidade, e o negócio teve de ser desfeito por falta de cumprimento de acordo.
Entre outras denuncias que podem ser vistas abaixo, nos prints da conversa com o próprio pastor presidente Orisvaldo Nunes.

Leia a conversa na íntegra, e veja qual a resposta que o grupo recebeu do presidente do ministério.

Templo sede da Igreja Assembleia de Deus em Matriz do Camaragibe

Pastor Jairo Teixeira, antecessor do pastor José Miguel
Pastor Jairo Teixeira

Pastor José Miguel, alvo das denúncias
 Pastor Orisvaldo Nunes, Presidente da AD Alagoas
Iremos acompanhar esse caso e em breve traremos novas informações.

Compartilhe: