noticias gospel

Assembléia de Deus libera divórcio para concorrer com a igreja Católica

Publicado em: 29/10/15 as 14:29 por Micael Batista

Compartilhe:
Depois dos rumores e escândalos que cercam o deputado Eduardo Cunha, muitos atribuem a isso a saída de membros da Assembléia de Deus.
Segundo informações, foi com a ajuda de Eduardo Cunha que a denominação mais tradicional do país criou uma lei para tratar de forma mais suave a questão do divórcio, sem pesar nenhuma responsabilidade para pastores, líderes e membros, devido ao grande índice de crise matrimonial nas igrejas. Informações que chegam à nossa redação é de que essas mudanças ocasionalmente ocorreram depois do Papa Francisco aceitou liberar o divórcio em 45 dias.

Compartilhe: