Meu passado me condena – Pastor acusado de agressão quer ser presidente


Publicado em: 19/05/14 às 11:29 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:42


Uma notícia no mínimo inusitada, causa revolta nos evangélicos do Rio de Janeiro.

Trata-se do caso do pastor que é acusado de bater na mulher, e agora, por onde passa, apresenta um discurso bem diferente da realidade vivida por ele.

O jornalista Lauro Jardim, colunista da Veja, publicou um artigo que desmascarou um político pastor que tenta a presidencia do país.
O protagosnista dessa história, chama-se;  Everaldo Dias (PSC),  quarto colocado entre os candidatos a presidente, de acordo com todas as pesquisas.
Everaldo escolheu o tema família como principal marketing político de sua campanha.
 É justamente de casa, contudo, que surge uma acusação grave contra o candidato evangélico.

No ano passado, a ex-mulher de Everaldo, Katia Maia, levou ao STJ um processo em que o acusa de agressão física, seguida de ameaça de morte. Na ação, há relatos de “chutes e socos, o que causou a perfuração da membrana timpânica” de Katia.

Everaldo diz que agiu em legítima defesa depois de uma perseguição de carro pelas ruas do Rio de Janeiro.

Em 2012, o pastor foi condenado na primeira instância a pagar para a ex-mulher uma indenização de 84 450 reais por danos morais e materiais. Everaldo reverteu a decisão no Tribunal de Justiça do Rio e agora o caso está em Brasília.




Mais artigos

Novo clipe de Priscilla Alcantara afronta evangélicos e se aproxima cada vez mais do secular

Por trazer temas tão delicados nos dias atuais e fugir dos padrões gospel, Priscilla Alcantara teve seu trabalho reconhecido fora do mundo evangélico


Triste: Pastor é encontrado morto após desaparecimento misterioso

O corpo foi encontrado por policiais militares próximo ao carro abandonado com várias marcas de tiros


Daniela Mercury solta seus “demônios”, acusa pastor de homofobia, e ele faz o improvável

A cantora por sua vez moveu uma queixa-crime contra o pastor, e a primeira audiência de conciliação foi marcada para essa terça-feira 22


Pastor visita Lula na prisão, compara ele ao apóstolo Paulo e revolta evangélicos

Vale lembrar que durante o período eleitoral a maioria dos líderes evangélicos declararam apoio ao presidente Jair Bolsonaro


Saiba porque Caio Fábio tomou a decisão de não ser mais pastor

Ele também Foi o fundador e presidente da Associação Evangélica Brasileira (AEVB), e atualmente mentoreia o Movimento Caminho da Graça (sediado em Brasília)


Assembleia de Deus de Luto: Pastor morre no auge dos seus 51 anos

Amigos, parentes e líderes lamentaram a morte precoce de mais um obreiro dedicado e aplicado na obra de Deus


Após colocar “pai de santo” em púlpito de sua igreja, Kleber Lucas surpreende novamente

Kleber Lucas há muito tempo não tem se importado com as críticas e com o que pensam sobre suas atitudes e decisões


Urgente: Justiça procura paradeiro do produtor gospel Melk Carvalhêdo

O processo pode acabar sendo arquivado por que não conseguem localizar o produtor, pois ele não deixa endereço fixo


Urgente: Pastora e cantora gospel Ludmila Ferber volta ao hospital e deixa fãs preocupados

Ela chegou a ficar uma semana sem sair de casa por causa de sua imunidade que havia baixado


Cabo Daciolo reaparece depois de jejum e faz revelação chocante

Depois de uma série de acontecimentos que foram atribuídos a ele, Daciolo poderá em breve quebrar o silêncio e se manifestar sobre suas supostas profecias