Assembleia de Deus pode tirar cargo de pastor de Feliciano


Publicado em: 07/05/14 às 18:41 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:42


O deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) pode ser excluído da Convenção Geral das Assembleia de Deus do Brasil (CGADB) por ter dado uma entrevista à revista “Playboy” no mês passado, cujo carro-chefe é a publicação de fotos de mulheres nuas.

Leia: Saiba tudo sobre a entrevista de Feliciano na Playboy

Feliciano tornou-se alvo de críticas após sua passagem pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara dos Deputados e havia concedido à entrevista como direto de resposta ao humorista Gregorio Duvivier, do canal Porta dos Fundos.

Sobre sua entrevista o parlamentar afirmou que não poderia perder a oportunidade e que sua intenção não era estimular a compra da revista, mas atingir os leitores. “A revista perguntou se eu queria falar. Jamais perderia essa oportunidade.
 A entrevista com meu testemunho pessoal tem um alvo: os leitores daquela revista. E os crentes que fiquem em oração”, disse Feliciano.

Na entrevista Feliciano tratou de suas experiências com drogas antes de sua conversão, sobre sua posição a cerca da homossexualidade e outros temas polêmicos como sexo anal, criticas ao governo e do seu desejo de se tornar presidente, além de criticas a ex-senadora Marina Silva.

A iniciativa de exclusão do pastor partiu da Convenção Fraternal das Assembleias de Deus no Estado de São Paulo (Confradesp), presidida pelo pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da CGADB e da Assembleia de Deus em São Paulo.

Caso o processo de exclusão permaneça o nome do parlamentar, que é líder da Assembleia de Deus Catedral do Avivamento, deve ser encaminhado a CGADB e sua exclusão poderá ser votada em uma Assembleia Geral Ordinária (AGO).

Durante a realização da 41ª AGO Feliciano recebeu o apoio dos confrades. Na ocasião, a AGO aprovou uma “moção de apoio” ao deputado que estava sofrendo perseguição política devido sua permanência na CDHM. O presidente da CGADB chegou a defender o Pastor Marco Feliciano durante entrevistas concedidas a diversos veículos de imprensa.

A Confradesp reúne cerca de oito mil pastores do Ministério do Belém no Estado de São Paulo e decidiu abrir uma apuração contra Feliciano em seu conselho ético. Para os pastores o conteúdo da entrevista não é o problema, mas a mídia que a transmite.

O pastor Lelis Washington diz que o problema está na revista e não nas declarações de Feliciano. “Deixando de analisar a entrevista, não é essa literatura que recomendamos aos fiéis”, disse.

Feliciano já havia afirmado que é histeria dizer que sua entrevista estimulará os evangélicos a comprar a resta e que no máximo sua participação revelará o “caráter” de muitos cristãos.

A reunião que decidiu avaliar o comportamento de Feliciano ocorreu nesta terça-feira (6) e o procedimento pode levar a desde uma advertência a exclusão de Feliciano da CGADB. Caso o processo chegue a esta gravidade, os pastores deverão pedir o “descredenciamento pastoral”.

Qual a sua opinião? Comente.

O Fuxico gospel




Mais artigos

Novo clipe de Priscilla Alcantara afronta evangélicos e se aproxima cada vez mais do secular

Por trazer temas tão delicados nos dias atuais e fugir dos padrões gospel, Priscilla Alcantara teve seu trabalho reconhecido fora do mundo evangélico


Triste: Pastor é encontrado morto após desaparecimento misterioso

O corpo foi encontrado por policiais militares próximo ao carro abandonado com várias marcas de tiros


Daniela Mercury solta seus “demônios”, acusa pastor de homofobia, e ele faz o improvável

A cantora por sua vez moveu uma queixa-crime contra o pastor, e a primeira audiência de conciliação foi marcada para essa terça-feira 22


Pastor visita Lula na prisão, compara ele ao apóstolo Paulo e revolta evangélicos

Vale lembrar que durante o período eleitoral a maioria dos líderes evangélicos declararam apoio ao presidente Jair Bolsonaro


Saiba porque Caio Fábio tomou a decisão de não ser mais pastor

Ele também Foi o fundador e presidente da Associação Evangélica Brasileira (AEVB), e atualmente mentoreia o Movimento Caminho da Graça (sediado em Brasília)


Assembleia de Deus de Luto: Pastor morre no auge dos seus 51 anos

Amigos, parentes e líderes lamentaram a morte precoce de mais um obreiro dedicado e aplicado na obra de Deus


Após colocar “pai de santo” em púlpito de sua igreja, Kleber Lucas surpreende novamente

Kleber Lucas há muito tempo não tem se importado com as críticas e com o que pensam sobre suas atitudes e decisões


Urgente: Justiça procura paradeiro do produtor gospel Melk Carvalhêdo

O processo pode acabar sendo arquivado por que não conseguem localizar o produtor, pois ele não deixa endereço fixo


Urgente: Pastora e cantora gospel Ludmila Ferber volta ao hospital e deixa fãs preocupados

Ela chegou a ficar uma semana sem sair de casa por causa de sua imunidade que havia baixado


Cabo Daciolo reaparece depois de jejum e faz revelação chocante

Depois de uma série de acontecimentos que foram atribuídos a ele, Daciolo poderá em breve quebrar o silêncio e se manifestar sobre suas supostas profecias