Governo cria campanha “Eu sou feliz sendo prostituta”, Evangélicos protestam


Publicado em: 05/06/13 às 11:48 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:42


Deputados da bancada evangélica usaram nesta terça-feira (4) a comissão de Direitos Humanos, presidida pelo pastor Marco Feliciano (PSC-SP), para fazer críticas à campanha do Ministério do Saúde de prevenção à Aids e redução do preconceito, que tem uma peça com a frase “Eu sou feliz sendo prostituta”. Os deputados decidiram pedir informações ao ministério sobre o tema. A peça, veiculada na internet, foi retirada do ar por ordem do ministro da Pasta, Alexandre Padilha, após a divulgação do tema. 
O assunto entrou em debate com uma manifestação do deputado João Campos (PSDB-GO). “Esse governo tem uma capacidade de buscar uns temas que me assusta. Eu sou feliz sendo prostituta, diz campanha do Ministério da Saúde do governo Dilma Rousseff. Não tem outra política pública decente para fazer?”, questionou. “Já vejo os títulos das próximas campanhas. Sou adúltero, sou feliz. Sou incestuoso, siga-me. Sou pedófilo, sou feliz, sou realizado”. 

Leia também: O fim da farsa – Parada gay recebe 15% do público esperado
Outros parlamentares fizeram manifestações na mesma linha. “Estamos combatendo a prostituição infantil e vem uma campanha incentivando. Você está combatendo, tirando das ruas, aí vem a campanha dizendo que é feliz, ninguém é feliz”, disse a deputada Liliam Sá (PSD-RJ). “A mulher não nasceu para ser prostituta, nasceu para ser mãe de família”, afirmou Costa Ferreira (PSC-MA). 

Houve ataques ao governo e a parlamentares que defendem a legalização da profissão de prostituta. “Infelizmente a prática da prostituição não é crime. Agora, quando se trata de Estado brasileiro patrocinando é crime, é apologia à prostituição, é um crime praticado pelo Estado, pelo governo”, disse Marcos Rogério (PDT-RO). “Tudo tem a ver com o mercado da prostituição, essa indústria que está de olho na Copa e Olimpíada”, afirmou Pastor Eurico (PSB-PE). 

Feliciano não fez uma manifestação sobre o tema, mas apoiou a iniciativa do deputado Roberto Lucena (PV-SP) de pedir informações ao Ministério da Saúde. “Vamos fazer esse requerimento de informação ao Ministério da Saúde sobre essa famigerada campanha”, disse o presidente da comissão de Direitos Humanos.



    Mais artigos

    Magno Malta quebra o silêncio sobre decisão de Bolsonaro e causa polêmica

    Através de um vídeo que circula nas redes sociais, o parlamentar desabafa e diz o que pensa sobre um dos temas mais polêmicos defendidos pelo presidente


    Cantor gospel famoso causa polêmica ao criticar pastores divorciados

    Muitos internautas comentaram o post e concordaram  com a opinião do cantor


    Triste: Após fim do casamento, membro da Assembleia de Deus comete suicídio

    A filha de 11 anos foi quem encontrou o pai sem vida na área de sua casa


    Sarah Sheeva dá maior “bola fora” da história e humilha Stefhany Absoluta

    Ela até disse concordar com a separação de Stefhany, desde que, ela saia de cena e volte ao anonimato.


    Cantor gospel Alisson Santos despreza críticas e faz comunicado importante

    O cantor vem sendo alvo de duras críticas desde que decidiu terminar a dupla com sua tia Neide e seguir carreira solo


    Urgente: Estado de saúde do pastor Hueslen Santos ex-vice do Gideões é preocupante

    Muitos líderes desejaram saúde para o pastor Hueslen, e disseram que estavam orando pela sua recuperação


    Urgente: Esposa e filho caçula do cantor gospel Juliano Son sofrem acidente

    Daniele e Mateus passaram o final de semana com o cantor na "13ª edição do Impacto Sertão Livre", e estavam voltando para Teresina


    Depois de sofrer pressão dos membros, pastor entrega cargo e entra em depressão profunda

    Segundo o depoimento de pessoas próximas ao líder, depois do caso, ele entrou em depressão e está sob os cuidados dos familiares


    “Aqui é fod#”, diz pastor da Assembleia de Deus durante sermão

    A frase tem causado polêmica e os pastores alertam sobre as gírias que estão sendo cada vez mais introduzida dentro das mensagens


    Carnaval gospel: Grupo evangélico cria bloco para evangelizar e causa polêmica

    O bloco foi criado com o propósito de "quebrar a religiosidade" e evangelizar as pessoas