Pregadora se veste como stripper para evangelizar e causa polêmica em comunidade evangélica


Publicado em: 14/03/13 às 10:12 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:43



A iniciativa de uma pregadora está causando polêmica numa igreja do estado da Carolina do Norte, nos Estados Unidos.

LaTascha Emanuel gravou um vídeo usando um vestido curto que expunha parte de seus seios, e que seria direcionado a mulheres que trabalham como strippers em casas noturnas. A mensagem fazia parte de uma série intitulada “O Evangelho do Pole Stripper”, e tinha como tema a paciência.

A repercussão do vídeo não foi bem recebida pelos membros da igreja Perfecting The Saints Family Worship Center, onde ela é ministra auxiliar.

“Se o seu ministério é chegar a strippers e convertê-las, por que não se vestir de forma conservadora?”, questionou uma fiel através do Twitter. “Se eu fosse uma stripper, eu pensaria que você é uma louca tentando falar sobre Jesus enquanto me mostra toda a sua metade superior”, criticou, fazendo referência à ausência de pano no vestido da pregadora.

Outro fiel manifestou sua crítica de forma menos direta: “’O Evangelho do Pole Stripper’… Nós estamos realmente no fim dos tempos”, escreveu.

Outros ministros cristãos do estado também comentaram a iniciativa de LaTascha: “Então, você acha que alguém recém-saído do clube pode ministrar em nível de alguém que está fazendo isso por 20 anos ou mais? Isso não é o trabalho do Ide, desculpe”, disse Teresa Goggins, co-pastora da igreja Thy Kingdom Has Come International Ministries.

“Qualquer um que foi escolhido e consagrado por Deus, não estaria diante do seu povo nesse tipo de roupa, porque a convicção aconteceria. Mas a igreja como um todo tem que se levantar e dizer que é inaceitável”, disse o médico Dr. Dwight Owens, conhecido no estado como uma liderança cristã, de acordo informações do Christian Post.

No entanto, LaTascha se manteve firme em sua posição e argumentou em defesa de sua escolha: “Quando estamos nas ruas, nada é motivo de riso ou brincadeira. Eles estão vivendo um inferno, e a igreja é difícil de ser encontrada. Nós tentamos nos tornar piedosos. Eu posso entender o fato de você não concordar com esta metodologia, mas por favor, entenda com todo o respeito. Acredito que Deus viu [a iniciativa] claramente”, escreveu a ministra numa publicação em seu perfil no Instagram. O Fuxico Gospel




Mais artigos

Após fim do casamento, Stefhany Cardoso toma decisão surpreendente sobre música gospel

Depois de se ausentar por alguns dias, a cantora gospel tomou uma decisão sobre sua carreira na música gospel


Novo clipe de Priscilla Alcantara “quebra” internet com letra inovadora e gospel átipico

"Empatia" é mais um projeto inquestionável dirigido por Gil Morais, e virou sucesso instantâneo no Youtube


Cantora gospel Damares posta foto do “niver” da filha Antonella e detalhe chama atenção

O evento foi bastante restrito a amigos e familiares


“Tô Solto” alcança 2 milhões de inscritos e é o maior canal de humor gospel do Brasil

Em uma recente entrevista ao O Fuxico Gospel, o humorista gospel revelou ter o sonho de ser pastor evangélico.


O encontro épico do Pastor Marco Feliciano com Silvio Santos

Feliciano foi recebido por Silvio Santos na casa do dono do SBT, em Orlando, nos EUA


Pastor renomado é denunciado por agressão a mulheres e crianças

 Na delegacia as vítimas foram ouvidas e relataram que as agressões eram praticadas pelo pastor


Urgente: Ícone da música gospel vive drama familiar com doença grave de parente

Considerado um dos maiores cantores gospel do Brasil, e com mais de 30 anos de carreira, ele clama por uma interferência divina


Saiba quais são os 5 pastores mais ricos do Brasil segundo a revista Forbes

A revista Forbes apresentou um novo ranking com o patrimônio estimado dos maiores líderes religiosos do Brasil


Urgente: Pastora desaparece misteriosamente e fiéis entram em desespero

A pastora está desaparecida desde o último sábado 12 de janeiro


Pedro Rocha é criticado por iniciar namoro 8 meses após a morte de Nara Almeida

Lutando contra um raro câncer no estômago, ela morreu em maio de 2018 e contou com a ajuda do companheiro durante todos os momentos de luta contra a doença