Pastor e adolescente de 15 anos simulam sequestro para esconder relacionamento

Publicado em: 02/01/13 as 13:13 por Micael Batista
Compartilhe:

Um pastor de 39 anos e uma adolescente de 15 anos confessaram a simulação de um sequestro, supostamente para esconder um relacionamento entre os dois.

A jovem desapareceu na sexta-feira (21) enquanto a sua mãe trabalhava. Depois que a mãe fez queixa na polícia, ambos resolveram confessar a farsa.
Segundo a Polícia Civil, a adolescente teria saído de casa enquanto a sua mãe trabalhava e chegou a enviar mensagens de textos para que ela não envolvesse a polícia.
O relacionamento começou depois que o pastor começou a visitar a família. “Minha mãe conheceu ele em uma igreja há uns cinco meses e ele começou a ir em casa, fazer oração. Acho que fui me apegando pelas coisas que ele falava”.
A jovem teria fugido com ele para Catanduva, na região de Ribeirão Preto. Eles decidiram simular o sequestro quando a mãe procurou a polícia.
O casal retornou para São Carlos na segunda (24) e a jovem foi amarrada em um canavial. O pastor teria indicado aos pais onde ela estava, alegando ter tido uma visão.

Entretanto, os pais desconfiaram da sua participação no sequestro e chamaram a polícia. Lá, a jovem confessou que mantinha relações sexuais com o pastor e que houve armação do sequestro.
A menor passou por exames do Instituto Médico Legal (IML) e tem seu caso sendo investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).
O pastor, que é casado e possui dois filhos, foi preso, enquanto a adolescente está aos cuidados da família.
Compartilhe: