noticias gospel

Está aberta a temporada de caça aos evangélicos que celebram o Natal

Publicado em: 22/11/12 as 13:15 por Micael Batista

Compartilhe:

“Está aberta a temporada de caça aos evangélicos que celebram o Natal.”

Foi exatamente isso que o meu amigo Mauro Meister disse no Facebook.

De fato é impressionante a quantidade de evangélicos que resolveram satanizar o Natal. Para essa gente comemorar o nascimento de Cristo é celebrar a existência do capeta.

Pois é, ao pensar desta forma os fariseus da modernidade perdem uma excelente oportunidade de pregar Cristo. Há pouco soube de uma caso de um pastor que proibiu os membros de sua igreja de se reunirem com seus familiares na noite de 24 de dezembro. Para ele, quem assim o fizer, estará em  rebeldia contra autoridade espiritual.

Caro leitor, vamos combinar uma coisa? Ninguém tem o direito de se intrometer na vida comum do lar de quem quer que seja. Nenhum pastor, por mais “santo” que seja tem o direito de proibir os cristãos de celebrarem essa data. Ora, celebrar ou não o Natal está no campo da pessoalidade, portanto, se você desejar reunir-se em família ou celebrar a Deus com sua igreja essa data, ninguém tem o direito de condená-lo.

Já aos nobres e brilhantes e idealizadores da satanização do Natal gostaria de sugerir a leitura dos seguintes textos:

1- Por acaso o Natal é uma festa cristã? (aqui)
2- Pastores que odeiam o Natal (aqui)
3- Respostas àqueles que não gostam do Natal (aqui)

Não quer celebrar o Natal? Não o faça, o problema é seu! Agora, não impeça os outros de fazê-lo, mesmo porque, essa prerrogativa não lhe cabe.

Renato Vargens

Compartilhe: