noticias gospel

PT quer criar cota para que escolas tenham professor gay; Pr. Silas comenta

Publicado em: 26/10/12 as 9:30 por Micael Batista

Compartilhe:
O deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) denunciou na última quarta-feira (17), no Plenário da Câmara, uma proposta do PT de criar cotas para professores gays em escolas do 1º grau.
Bolsonaro, que chegou a citar a enérgica atuação do pastor Silas Malafaia na luta contra os privilégios da comunidade LGBT, afirmou que o projeto é apoiado pela presidente Dilma Rousseff e propõe que cada escola pública do ensino fundamental tenha um número mínimo de vagas no corpo docente reservado para professores homossexuais.
O deputado protesta, também, contra a eleição do candidato Fernando Haddad (PT-SP) à prefeitura de São Paulo, já que o mesmo tem como plataforma política a briga pelos direitos homossexuais, sendo ele um dos responsáveis pela criação do polêmico kit gay.
Assista ao vídeo e, em seguida, o comentário do pastor Silas Malafaia
Pr. Silas Malafaia comenta
Desde de 2006 que eu tenho empreendido uma luta não contra pessoas, mas por questões de princípios e ideais em relação ao que os ativistas gays querem implantar a todo custo na sociedade brasileira. Nós, evangélicos, não queremos impedir ninguém de ser gay, e muito menos discriminá-los na sociedade. Mas dar privilégios e concordar com a desconstrução da família, isto nós não vamos aceitar. Vejam senhores, neste vídeo, o deputado Jair Bolsonaro denunciando o plano nacional dos direitos LGBT promovido pela secretaria dos direitos humanos, comandada por Maria do Rosário. Alguns absurdos entre tantos e se você quiser saber de todos entre no site da secretaria. Vou salientar:
1. Criação de cotas para professores gays. Que absurdo!
2. Desconstrução da heteronormatividade. Isto é, um homem e uma mulher e seus filhos chamado da família nuclear, que é a base da sociedade, não pode mais ser assim.
3. Impedir livros “homofóbicos” para as crianças. O que isto quer dizer é que se aparecer uma família somente com a figura de homem e mulher, isto é “homofobia”. Tem que ter dois homens, ou duas mulheres. E vai por aí a fora…
Pergunto a você: o que nós, povo de Deus, queremos para as gerações futuras? Vamos aceitar que as crianças nas escolas públicas sejam ensinadas que uma família heterossexual é igual a uma família homossexual? Que o individuo já nasce gay?
Toda historia da civilização humana está sustentada na família formada por um homem, uma mulher e seus filhos. Isto é antropológico, sociológico e teológico. Vamos ver o que vai acontecer com as gerações futuras com esta quebra de paradigma que Deus instituiu para o bem estar da sociedade. Vamos nos calar?! Até quando?! Onde estão os líderes evangélicos e o povo de Deus, que fingem que não está acontecendo nada, como se isso fosse uma guerrinha pessoal do Pr. Silas Malafaia? E pasmem os senhores, que existem sites e blogs ditos evangélicos que debocham de minhas posições e, no cúmulo do absurdo, dizendo que eu faço isso para conquistar notoriedade. Lamento dizer: ESTÃO A SERVIÇO DE SATANÁS NA DESCONSTRUÇÃO DA ESTRUTURA SOCIAL MAIS IMPORTANTE PARA O SER HUMANO. A mais de 30 anos estou na televisão marcando posições que estão de acordo com os princípios estabelecidos por Deus e fazendo defesa da fé. A maioria dos meus críticos nem nascidos eram, e eu estou perguntando a eles: O QUE VOCÊS ESTÃO FAZENDO EM RELAÇÃO AO REINO DE DEUS? QUAL A PRÁTICA PECAMINOSA QUE QUER PERTURBAR TODA A VIDA HUMANA, QUE VOCÊS ESTÃO COMBATENDO? Eles aparecem agora por causa da internet, e a única obra fantástica que eles sabem fazer é criticar os que estão fazendo.
Meus amados, não vamos abrir mãos dos nossos princípios. Lembremos da palavra de Deus:
Efésios 5:13
Mas todas estas coisas se manifestam, sendo condenadas pela luz, porque a luz tudo manifesta.
Compartilhe: