Lauriete considera vários pontos do novo Código Penal inaceitáveis

Além disso, a deputada considera o homossexualismo uma opção e portanto não pode ser retirado o direito, de quem não concorda com essa prática.


Publicado em: 07/09/12 às 13:54 por Micael Batista | Atualizado em 02/02/2019 às 13:00


A reforma proposta para o Código Penal tornou-se um desafio para os parlamentares evangélicos que tem se mobilizado contra o que chamam de retrocesso para a sociedade e uma afronta aos princípios cristãos.
Em seu primeiro mandato como deputada, Lauriete (PSC-ES), uma das vozes pentecostal mais lembrada no Brasil, mantém como bandeira de luta o combate ao tráfico de drogas e à violência contra a mulher, o direito dos consumidores, a defesa da família e dos valores cristãos e a busca por maior atenção do Estado no tratamento das dependências químicas.
Lauriete também tem se empenhado contra o novo Código Penal e afirma que a proposta dos juristas em descriminalizar o plantio e o porte de maconha para consumo é uma aberração.
“Considero essa proposta uma verdadeira aberração em todos os sentidos. Sabemos que só existe tráfico por causa do usuário. Ao privilegiarmos esse usuário, permitimos que o traficante continue com sua atividade. O anteprojeto trata do porte para consumo próprio, mas quem determinará qual a quantidade de um usuário? Haverá uma medida? Ora, com essa proposta, o indivíduo poderá portar 500 gramas, um quilo e justificar que é para consumo. Na verdade, o privilégio será para o traficante. Ainda tem o absurdo de poder, inclusive, cultivar a erva em seu domicilio. É realmente um absurdo! O viciado precisa receber, por parte do Estado, atenção para se livrar da dependência e não estímulo para continuar. As propostas até agora vão no sentido de manter o indivíduo no vício”, comentou a parlamentar.
Além disso, a deputada considera o homossexualismo uma opção e portanto não pode ser retirado o direito, de quem não concorda com essa prática. Lauriete também afirma que o PLC 122 não é um projeto de lei para proteger o Movimento LGBT, mas para criminalizar a opinião contra a prática homossexual.
“Quando se fala em crime de homofobia, na verdade, está-se tentando calar ou impedir toda manifestação com relação aos princípios cristãos, que são contra a prática do homossexualismo. Por essa razão, justamente por princípio ético do PSC, de não segregar ou excluir quem quer que seja, que não excluímos pessoas, mas julgamos seus atos e isso não pode ser considerado crime, como propõem os que chamam nossas atitudes de homofobia” disse.
Sobre a proposta que diminui o limite de crime da prática sexual com menores de 14 anos para 12 anos, Lauriete afirma que o projeto estará legalizando a Pedofilia.
“A vulnerabilidade de uma criança de 12 anos é similar ou a mesma de uma de 11 anos e 11 meses, por exemplo. Essa é outra proposta absurda, a exemplo de outras tantas propostas desse projeto de reforma”, considera a parlamentar.
Comente no Fala Malafaia


Aniversariante do mês
Liz Lanne

Cantora

41 anos


Mais lidas

Mais artigos

Deputado evangélico propõe “Dia do Orgulho Hétero” e irrita comunidade LGBT

“Se nada for feito para impedir, muito em breve tornar-se-á crime ser ou se declarar heterossexual”, disse o pastor


Jesus Cristo é a “base da felicidade” diz Marcos Mion e emociona internautas

O ato ocorreu no último dia 18, quando o apresentador foi com seu filho altista para uma congregação, ficando fortemente emocionado, se declarou para Jesus


Blocos carnavalescos para evangelizar, certo ou errado? Descubra!

Nos últimos tempos deste século, temos presenciado e notado muitos "blocos carnavalescos" surgindo nas igrejas, com intuito de evangelizar


Cabo Daciolo quebra jejum das redes sociais e faz desafio surpreendente

Como sempre, os internautas adoraram a volta de Daciolo as redes sociais, e em poucos minutos a publicação já tinha milhares de likes e comentários


André Valadão “quebra o silêncio” sobre ataques a sua linha de cartão de crédito

O vídeo foi ao ar no dia 18, onde o pastor e cantor gospel rebateu e esclareceu as criticas


Após fim de casamento Magno Malta toma atitude desesperada para voltar com Lauriete

Segundo um jornal local do Espírito Santo, o que teria motivado a separação, seria uma suposta traição de Magno Malta


Samuel Mariano desabafa e diz o que pensa sobre alguns cantores e pregadores famosos

Samuel atualmente tem dedicado grande parte do seu tempo ao seu projeto missionário chamado "Quero Almas", e nesse momento se encontra no interior da Bahia


Damares Alves convida Agustin Fernandez para participar de campanha e funkeira se revolta

Segundo a ministra, a campanha contará com o auxílio de profissionais da área de beleza que identificará as mulheres vítimas de violência


Ana Paula Valadão da a volta por cima após crise e recebe conselho de ministro

Agora, ela parece se redimir com seu público, e depois de algumas mudanças acentuadas, Ana Paula Valadão voltou a agradar.


Mattos Nascimento publica vídeo de Whindersson Nunes e é criticado por seguidores

O youtuber já revelou que durante a sua infância frequentava a igreja evangélica