“Culto dos príncipes” faz sucesso entre jovens solteiros


Publicado em: 02/08/12 às 20:59 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:43


“Culto dos príncipes” faz sucesso entre jovens solteiros“Culto dos príncipes” faz sucesso entre jovens solteiros
O missionário Claudio Brinco é casado com Nãna Shara, filha da pastora Baby do Brasil e cunhado de Sarah Sheeva, que ficou conhecida por realizar o “culto das princesas”.
Mais de duzentos homens se reuniram no salão do clube Olympico, em Copacabana, zona sul do Rio para vê-lo pregar na segunda edição do “culto dos príncipes”.

Uma das máximas ensinadas é “Príncipe não namora cachorra, namora princesa”. “A ideia é estimular uma nova cultura comportamental entre os seguidores da Igreja Celular Internacional (ICI), no que se refere a namoro e, claro, sexo”, explica o missionário. Há algumas regras básicas a serem seguidas por quem deseja ser um “príncipe”. A começar pelo próprio culto: mulher não entra.
Além disso, para o príncipe solteiro, sexo é proibido e masturbação, nem pensar. O beijo na boca não está proibido na Bíblia, mas pode trazes problemas aos fieis. “Beijo de língua não é pecado. Mas comida também não é e te leva à gula. Beijo é igual a forno elétrico. Liga em cima e esquenta embaixo”, afirma o missionário.
O culto inicia com o tradicional período de louvor. Durante a pregação Brinco sobe ao púlpito que tem três telões de 50 polegadas nas laterais. Ele usa frases como “A merenda é só depois do recreio. Príncipe aguarda as ordens do Rei”, e o foco é guardar a castidade até o casamento. “Você nasceu para ser o cabeça, o provedor, o varão da sua casa. Diga ao príncipe ao seu lado: ‘você é o varão da sua casa, irmão’. Queremos uma nação de homens livres da cultura machista, egoísta e demoníaca. Não ao sexo antes do casamento”, continua.
A maioria dos jovens tem entre 18 e 30 anos e são de diferentes bairros da cidade. Poucos namoram. E quando namoram, é com meninas também evangélicas.
Brinco ensina que as tentações são diárias e é preciso ter força para suportá-las. “Dia desses andava na calçada quando vi uma morena fenomenal vindo na minha direção. Eu sou homem, pô! Aqui tem testosterona. Enquanto todos os caras viraram o pescoço para vê-la melhor, encostei na parede e comecei a orar ao Senhor. Uma irmã aqui da igreja passou na hora e perguntou se estava passando mal. Disse para ela que não, só estava afugentando o demônio”, relata aos presentes.
Em seguida, convida o pastor Nelson Júnior, de Vitória, para subir ao altar. Nelson é um dos líderes do movimento “Eu escolhi esperar”, que também estimula a castidade. “Não é fácil ser cristão nos nossos dias. Não é fácil ser homem. Mais difícil ainda é ser homem e cristão”, diz Nelson.
A palavra volta para o missionário Brinco, que explica como diferenciar uma princesa de uma cachorra. E dá dicas de como se deve fugir das cachorras. “Não diga nada, não ofereça ajuda, porque você não vai resistir. Seu cérebro vai emitir sinais para a cabeça de baixo e aí já era. Recorra a uma pastora. Só uma pastora pode salvar a cachorra”, diz em tom aflito.

É a segunda vez que o culto dos príncipes é realizado no Rio. (Paulo Marcos)
As redes sociais também devem ser vigiadas. “Padronize o Facebook de acordo com o reino de Deus. Não adianta ter uma vida regrada na realidade e ser libertino na vida virtual. Se você é príncipe, não procure mulher no Facebook. Príncipe não tem álbum no Facebook. Não idolatra a própria imagem”, ensina.
Ele questiona também um dos assuntos mais comentados nas igrejas atualmente. “Antigamente criticavam a homossexualidade. Hoje toleram. Amanhã vai ser obrigatório. Temos que ir na contramão da cultura mundana, irmãos. A sociedade pode até te chamar de gay, mas Deus vai te chamar de Príncipe, homem”.
O missionário fala com conhecimento de causa. Ele é casado há sete anos com a cantora Nãna Shara. Durante todo o namoro eles ficaram um ano e oito meses sem sexo e nem mesmo beijo na boca.
O culto tem um pouco mais de duas horas de duração. No final, muitos dos presentes fazem perguntas que são respondidas por Brinco. Foram entrevistados pelo portal IG vários presentes como Bruno Luiz Alves, auxiliar de farmácia, 22, que diz seguir à risca todos os mandamentos. “Aqui tenho tudo explicado de forma clara”.
Thiago Kuster, 27, é coordenador financeiro e diz que pretende encontrar sua princesa na igreja. “É a necessidade de todo cristão. Vou aguardar o tempo que for”
Comente no Fala Malafaia



Mais artigos

Música gospel que inspirou Cris Cyborg em luta no UFC ganha clipe; assista!

A música foi ao ar no dia 27 de dezembro, e por motivo das festas de ano novo, a gravadora Sony Music e o cantor gospel Wesley Ros, seguraram o lançamento


Joelma ‘Calypso’ canta em culto do “reteté” e anuncia importante decisão na carreira

Joelma se tornou conhecida em todo Brasil quando cantava na Banda Calypso ao lado do ex-marido e guitarrista Chimbinha


Pastora desaparecida há três dias é encontrada e história mal contada intriga evangélicos

O pastor não deu detalhes sobre o que aconteceu e o motivo do desaparecimento de Cristiane. Disse apenas que ela está bem e logo estará em casa


Urgente: Avião de pastor evangélico perde o controle e cai em matagal

Uma falha no motor pode ter sido o motivo da queda


Após fim do casamento, Stefhany Cardoso toma decisão surpreendente sobre música gospel

Depois de se ausentar por alguns dias, a cantora gospel tomou uma decisão sobre sua carreira na música gospel


Novo clipe de Priscilla Alcantara “quebra” internet com letra inovadora e gospel átipico

"Empatia" é mais um projeto inquestionável dirigido por Gil Morais, e virou sucesso instantâneo no Youtube


Cantora gospel Damares posta foto do “niver” da filha Antonella e detalhe chama atenção

O evento foi bastante restrito a amigos e familiares


“Tô Solto” alcança 2 milhões de inscritos e é o maior canal de humor gospel do Brasil

Em uma recente entrevista ao O Fuxico Gospel, o humorista gospel revelou ter o sonho de ser pastor evangélico.


O encontro épico do Pastor Marco Feliciano com Silvio Santos

Feliciano foi recebido por Silvio Santos na casa do dono do SBT, em Orlando, nos EUA


Pastor renomado é denunciado por agressão a mulheres e crianças

 Na delegacia as vítimas foram ouvidas e relataram que as agressões eram praticadas pelo pastor