Cantor do tema de Avenida Brasil já foi artista gospel


Publicado em: 21/07/12 às 2:23 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:43


Compartilhe:
Cantor do tema de Avenida Brasil já foi artista gospel
Nos últimos dias, a novela Avenida Brasil, da Globo, foi um dos assuntos mais comentados por conta do sucesso que está fazendo. Mas quem ouve o “oi oi oi” do refrão e vê a sombra de corpos fazendo uma dança sensual na tela sequer podia imaginar que o cantor é evangélico.

O paulistano Robson Moura “estourou” no início deste ano com a música “Dança com tudo”. É a versão do “kuduro” de um cantor português chamado Lucenzo. A Globo comprou os direitos em janeiro e primeiramente cogitou o cantor Latino para interpretá-la. Mas Latino já havia feito uma versão da versão em espanhol, gravado por Dom Omar.
Milena Dias, que canta trilhas de novela, indicou Moura e a Globo aprovou. Embora muitos ainda confundam a voz dele com a de Latino, ele explica que sua versão é bem diferente.
Antes do sucesso, ele conta que passou por bandas de baile, tocou na banda de Mara Maravilha e já gravou canções gospel. Porém, no momento prepara disco e faz shows do que chama de “hits brasileiros em ritmo latino”.
Embora diga que a maioria das pessoas não o reconheça na rua, enfatiza: “Tudo mudou na minha vida desde a primeira semana da novela”.
Nos primeiros meses não tinha empresário, site, nada. Porém, seu disco de estreia deve ser lançado em setembro e espera que o sucesso aumente. Sua maior referência e “inspiração” é Sidnei Magal.
Porém, nem sempre foi assim. “Eu toco teclado desde os sete anos, tocava na Igreja”, lembra.
“Comecei como pianista popular e tecladista… Toquei em peças de teatro, bandas de baile e grupo gospel. Acompanhei a Mara Maravilha”. Ele teve o que chama de “fase gospel”.
“Eu comecei na Igreja a ter contato com música. Sou evangélico até hoje. A influência boa da música gospel é porque são vários ritmos. Tenho noção de soul, reggae, dance, sertanejo. Tem gospel de todos os estilos”, explica ao falar sobre sua versatilidade musical.
Entrevistado pelo portal G1, ele explica que não se vê associado a uma música sensual, como sugere a abertura da novela.
“É uma questão que tinha desde adolescente. Tenho cuidado de não cantar palavrão. Não gosto disso, independentemente de ser ou não evangélico. Tem música que eu fico vendo as senhorinhas e penso: não é legal ouvir isso. É desnecessário. Agora tenho mais autonomia do que nos tempos de banda de baile. Tem um livro da Bíblia, Cantares de Salomão, e o Rei Salomão fala dos seios da mulher dele, que são “como dois montes”. Ser evangélico não quer dizer que você não pode falar da beleza feminina. Canto uma música do Ricky Martin, “Maria”, que tem uma letra sobre uma mulher poderosa, que tem o ar da sedução… Ela é tão intensa. Mas não é de uma forma pejorativa”, conclui.
Compartilhe:



Mais artigos

Urgente: Morre irmão de Delino Marçal e cantor gospel toma decisão inesperada

O cantor usou as redes sociais para informar aos amigos e fãs que estava de luto


Cantora gospel tenta suicídio após vazamento de fotos íntimas na internet

Um boletim de Ocorrência foi registrado no local e o caso segue sobre investigação


“Soul não é igreja, e eu não sou Cristão”, declara Kleber Lucas em desabafo na internet

A declaração foi a mais polêmica do cantor desde que se tornou alvo da crítica dos evangélicos


A frase de Abílio Santana que calou Sargento Isidório durante diplomação

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) diplomou na tarde dessa segunda-feira (17), 137 políticos baianos eleitos em outubro passado


Priscilla Alcantara abre mão de affair e toma decisão inesperada

A decisão de Priscilla vai marcar uma nova era e um nova história em sua carreira e em seu ministério


Depois de gravar música gospel, Simone demite funcionários e toma decisão

Simone se diz evangélica, mas por alguma razão, algum pastor concordou com o fato dela continuar com sua carreira na música secular.


Emocionada Neide Martins se despede dos fãs, “Quem tem chamada não pode parar”

A cantora gospel Neide Martins usou a seu Instagram para agradecer aos pastores e líderes das igrejas em que cantou quando fazia dupla com Alisson


Cindy Trimm estará no Congresso Fogo de Avivamento para o Brasil 2019

A 11º edição do Congresso Fogo de Avivamento para o Brasil no mês de março do próximo ano


Em baixa na música gospel, situação de Damares acende luz de alerta

Sem lançar nenhum hit em 2018, Damares está na geladeira da Sony desde agosto


Pastor faz “vaquinha” para comprar cadeira de rodas para neto com Miopatia Miotubular

Até agora ele usava um carrinho especial para transportá-lo, porém, ele cresceu e seu carrinho não serve mais.