Racismo pode virar crime hediondo no novo Código Penal brasileiro


Publicado em: 12/06/12 às 20:38 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:44


Compartilhe:


O racismo e o tratamento de trabalhadores como escravos podem entrar para a lista dos crimes chamados hediondos. É o que decidiu a comissão de juristas responsável por elaborar o novo Código Penal brasileiro em reunião realizada nesta segunda-feira (11).
A comissão também inseriu na lista de crimes hediondos – que hoje tem o homicídio e estupro, por exemplo – o financiamento do tráfico e os crimes contra a humanidade. Todas as sugestões aprovadas pela comissão serão compiladas em um anteprojeto que ficará pronto no dia 25 de junho. O texto será usado como base para votação do novo Código Penal, no Congresso.

Se por um lado os juristas tornaram mais rigorosas as punições para crimes violentos ou para os motivadores de outros delitos – como a receptação de roubo, cuja pena máxima passou de quatro para cinco anos – a comissão também deu tratamento mais leve para crimes de menor ofensividade. “Diversas figuras de descarcerização foram pensadas, o que se chama hoje de justiça restaurativa. Se a pessoa reparou o dano integralmente, ela obterá a extinção da punibilidade”, explica o relator da comissão, o procurador da República Luiz Carlos Gonçalves.
Um dos exemplos dessa “relativização” é o caso de roubo, crime que atualmente prevê pena de quatro a 10 anos de prisão e multa, com possibilidade de agravantes. Segundo o texto aprovado pela comissão, a pena para o “encontrão” – quando o ladrão esbarra na vítima e pega sua carteira – pode ser mais leve. Por outro lado, a invasão de residência passa a ser um crime mais grave, assim como já é o roubo com uso de arma e com a participação de mais de uma pessoa.
A comissão também endureceu o tratamento dos maus-tratos contra pessoas. “Já havíamos feito isso em relação aos animais. O ser humano é animal também, não faria o menor sentido que a pena dos maus-tratos dos humanos fosse inferior, e não será mais”, disse Gonçalves. De acordo com o anteprojeto, o crime de maus tratos pode dar pena até cinco anos, com possibilidade de agravantes.
Esse foi o último encontro oficial da comissão, mas os juristas ainda se reunirão durante a semana para tratar de assuntos residuais, como o crime de rixa. O grupo também decidirá se a delação premiada beneficiará apenas os sequestradores, que podem ficar livres se colaborarem com as autoridades. Segundo Gonçalves, a ideia é que o benefício seja aplicado aos crimes em geral, como já é previsto na legislação atual.
A comissão responsável pelo anteprojeto do novo Código Penal foi formada no Senado em outubro do ano passado e, desde então, os juristas vêm se encontrando periodicamente para rediscutir o texto atual, que é de 1940. A ideia era que os trabalhos terminassem em maio, mas foi necessário mais um mês para a conclusão dos debates. O anteprojeto tramitará no Legislativo como um projeto de lei comum, que poderá ser alterado pelos parlamentares e pela Presidência da República.
Deixe o seu comentário
Compartilhe:



Mais artigos

8 fatos sobre Jair Bolsonaro que os pastores insistem em ignorar

Bolsonaro lidere as pesquisas para presidente no segundo turno e tem apoio da maioria dos evangélicos


Integrante do Coral Kemuel, gay? Será mesmo?

Os rumores de que existe um integrante do Kemuel homossexual circula nos grupos de Whatsapp desde o início da semana


Urgente: Com câncer, cantor famoso clama a Deus por cura

O cantor declarou recentemente que se sente confiante na cura por Deus e comoveu os internautas


Depois de suicídio de pastores, cantores gospel contraem doenças graves. Entenda!

Ludmila Ferber, Fernanda Brum e Pregador Luo, são apenas alguns nomes dos artistas gospel famosos que anunciaram estarem doentes


“Tem pomba gira aí ” diz Daciolo em briga acalorada com Feliciano

Toda essa briga começou depois que Daciolo postou um vídeo nas redes sociais dizendo que Feliciano era "maçom"


O Fuxico Gospel recebeu 13 milhões de visualizações em Setembro e lidera entre sites cristãos

Fundado em 2012, O Fuxico Gospel é hoje o site de notícias gospel mais acessado do país


Feliciano bate boca com Daciolo sobre acusações: “Prove que sou maçom!”

O pastor Marco Feliciano decidiu ir tomar satisfações com Daciolo sobre acusações de ser ligado a maçonaria


Cantora Gospel Priscilla Alcantara revela uma de suas inspirações e surpreende seguidores

O post da cantora e as várias declarações chamaram a atenção e não agradaram alguns de seus seguidores mais tradicionais


Bomba! Cantor gospel pentecostal é flagrado aos beijos com outro homem

Até o momento o cantor Diógenes não se manifestou sobre as fotos


W. Music cria playlist no Deezer com os vencedores do festival

A novidade agradou ao publico e aos fãs dos artistas que foram revelados pelo festival