noticias gospel

Em entrevista à CNT, pastor Silas Malafaia afirma que “a Bíblia é um livro de prosperidade” e desafia Jean Wyllys a provar acusações. Assista na íntegra

Publicado em: 19/06/12 as 15:09 por Micael Batista

Compartilhe:
Em entrevista à CNT, pastor Silas Malafaia afirma que “a Bíblia é um livro de prosperidade” e desafia Jean Wyllys a provar acusações. Assista na íntegra

O pastor Silas Malafaia concedeu entrevista ao programa Jogo do Poder, do canal CNT e falou sobre os diversos assuntos com os quais tem se envolvido publicamente.
Silas falou sobre as mudanças comportamentais da sociedade e a influência do crescimento da parcela da sociedade que se declara evangélica, e relacionou em parte o crescimento econômico e social do país ao aumento do percentual de evangélicos na sociedade.
Falando sobre teologia da prosperidade, o pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo afirmou que esse assunto se divide em duas partes: “A Bíblia é um livro de prosperidade, não só material, financeira. Na Bíblia, prosperidade tem a ver com bem estar, alegria, paz, relacionamento com Deus, finanças. É um conjunto”, pontuou, e emendou afirmando que isso é diferente da pregação que enfatiza o enriquecimento: “O besteirol da teologia da prosperidade afirma que se você não é rico, você não tem fé”.
O líder da ADVEC disse que os princípios dos evangélicos são os princípios da Bíblia, e disse que a proposta é oferecer melhorias à sociedade: “Queremos levar uma mensagem que transforma a vida do homem para melhor”, frisou Malafaia.
Sobre o debate em torno do PL 122, Malafaia classifica o projeto como “lixo”, e diz se tratar de uma estratégia de setores organizados do movimento gay para buscar privilégios e “mamar” verbas públicas.
Em resposta ao deputado federal e ativista gay Jean Wyllys, que o criticou em entrevista ao mesmo programa uma semana antes e pediu a abertura das contas das entidades geridas por Silas Malafaia, o pastor o desafiou o ex-BBB a colocar suas denúncias “no papel e assinar”, para que “os desembargadores e integrantes do Ministério Público” que são membros de sua igreja, possam abrir investigação.
Próximo ao fim do programa, Silas Malafaia ressaltou suas diferenças com a liderança da Igreja Universal do Reino de Deus e classificou o apóstolo Valdemiro Santiago de antiético, por sua postura, ao oferecer “150% a mais” do que ele pagava à Band pelos horários da madrugada.
Assista no vídeo abaixo a íntegra da entrevista do pastor Silas Malafaia ao programa Jogo do Poder, da CNT:
Fonte: Gospel+
Compartilhe: