Deputado Marco Feliciano usa tribuna para fazer denúncias contra União Nacional dos Estudantes e contra a UNIMED


Publicado em: 16/06/12 às 14:28 por Micael Batista | Atualizado em 29/08/2017 às 23:44


Deputado Marco Feliciano usa tribuna para fazer denúncias contra União Nacional dos Estudantes e contra a UNIMED

O deputado federal pastor Marco Feliciano, fez uso da tribuna do Plenário nessa semana para apresentar denúncias contra a União Nacional dos Estudantes (UNE), por uso indevido de verbas públicas e contra as práticas, segundo ele abusivas, praticadas pela operadora de planos de saúde, Unimed, contra profissionais do ramo da saúde.

Feliciano questionou qual destino foi dado à verba de 30 milhões de reais, que foi transferida à entidade estudantil com a finalidade de prover a construção de sua sede na cidade do Rio de Janeiro. “A pedra fundamental foi lançada em 20 de abril de 2010, com uma grande festa e com a promessa de dirigentes da Entidade que dariam inicio às obras com projeto desenhado e doado à entidade pelo arquiteto Oscar Niemeyer, e que, até o momento não saíram do papel”, ressaltou o deputado.
Contra a Unimed, Marco Feliciano criticou os baixos valores repassados aos médicos e outros profissionais, e comparou o modelo de negócios imposto pela empresa aos associados como unitarismo.
“São tantas ações contra essa empresa, que cito apenas alguns casos, como o caso do descredenciamento dos anestesistas do Paraná, em 2011, que denunciaram verdadeiros abusos no relacionamento Unimed com os profissionais médicos dessa especialidade”, comentou o deputado.
Feliciano propôs que o parlamento investigue ambos os casos e afirmou que irá pedir a implantação de uma CPI para investigar a Unimed.
Leia na íntegra o pronunciamento sobre a UNE:
Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados.
Uso desta tribuna para manifestar minha preocupação com recursos transferidos a UNE – União Nacional dos Estudantes, 30 milhões de reais, com a finalidade de prover a construção de sua sede na cidade do Rio de Janeiro. A pedra fundamental foi lançada em 20 de abril de 2010, com uma grande festa e com a promessa de dirigentes da Entidade que dariam inicio às obras com projeto desenhado e doado à entidade pelo arquiteto Oscar Niemeyer, e que, até o momento não saíram do papel.
O atual presidente, Senhor Daniel Illesco, além de não explicar os motivos da demora, afirma que como entidade privada não há obrigação legal que defina a destinação do dinheiro que a entidade recebe. O que no mínimo é curioso, pois, todo dinheiro proveniente do governo Federal, tem que ter seu destino avaliado pelo Tribunal de Contas da União. O Senhor Illesco, alega que os recursos estão numa conta especial, mas qual o motivo do retardo do início da construção, se na mais simples análise sabe-se que o aumento dos insumos para obras, geralmente sofre reajustes maiores do que poderia estar sendo corrigido esse grande montante.
O Ministério do Esporte incluiu a UNE na lista de inadimplentes do SICONV, sistema que gerencia os recursos da União, por indícios de irregularidades graves em convênios do governo Federal com a UNE.
Esse parlamento deve com seu poder fiscalizador, cerrar esforços no sentido de evitar malversações com o patrimônio público.
Enviarei oficio à Presidência da UNE, pedindo explicações sobre a aplicação desse montante, e se há estudos que justifiquem a demora para o inicio da obra.
Muito Obrigado! Marco Feliciano Deputado Federal PSC-SP
Leia na íntegra o pronunciamento sobre a UNIMED:
Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados.
Uso desta tribuna para denunciar o mau uso dos serviços de saúde por administradoras de planos de saúde que criaram verdadeiros feudos em suas áreas de atuações entre tantas outras saliento a Unimed que se agigantou a tal ponto que causa verdadeiro massacre aos profissionais da saúde, médicos das mais diferentes especialidades que se veem presos a contratos com flagrante unitarismo, propositalmente, uso esse termo da idade média, pois a parte considerada do outro lado só tem espaço para protestar silenciosamente pois são alvos de represálias. São tantas ações contra essa empresa, que cito apenas alguns casos, como o caso do descredenciamento dos anestesistas do Paraná, em 2011, que denunciaram verdadeiros abusos no relacionamento Unimed com os profissionais médicos dessa especialidade.
Também os fisioterapeutas reclamam do repasse feito pela Unimed de quantia insignificante de R$ 7,00(sete reais) por uma sessão de fisioterapia.
Senhores é hora desse parlamento tomar atitudes enérgicas contra esses verdadeiros monstros que se instalaram em nosso País, instituições enormes que manipulam verdadeiras fortunas à custa de profissionais que até para denunciarem recorrem ao anonimato por medo de, como já disse, represálias. Vou propor a instalação de uma CPI para que de forma isenta possamos desvendar o verdadeiro mistério que existe [no relacionamento entre a Unimed e seus associados].
Fonte: Gospel+


Aniversariante do mês
Liz Lanne

Cantora

41 anos


Mais lidas

Mais artigos

Filha do apóstolo Valdemiro Santigo envergonha o pai com atitude inesperada

A pastora Raquel Santiago é apresentadora do programa Gerando Salvação e filha do líder da Igreja Mundial


Após participação em DVD gospel, Simone irrita evangélicos ao gravar funk

Simone nunca cogitou a possibilidade de abandonar a sua carreira secular para se dedicar ao gospel, atitude que também foi criticada pela comunidade gospel


Luto: Um ano após trocar de esposa, pastor é assassinado a tiros dentro de casa

A polícia investiga se a morte teve motivação passional ou se o pastor foi morto por engano


Wesley Ros comemora aniversário de 42 anos e recebe o carinho de fãs

O aniversário de Ros aconteceu nesta quinta-feira 14 de fevereiro


Neide Martins fala sobre câncer de mama e evangélicos caem no choro

A cantora segue em carreira solo, desde que o seu sobrinho optou por acabar com a dupla Alisson e Neide


Samuel Mariano desabafa nas redes sociais e crítica igrejas

O cantor se manifestou na manhã desta quinta-feira (14) e pediu socorro pela situação que viu nas igrejas


Sem perdão dos evangélicos, Simone toma decisão e é aplaudida por seguidores

Em nenhum momento ela respondeu as críticas, e preferiu cuidar da sua saúde


Priscilla Alcantara relata “visão profética” e assusta seguidores

A cantora gospel desabafou nas redes sociais durante a noite da última quarta-feira (13), e deixou os fãs e seguidores impactados


Lauriete, Ludmila Ferber, Shirley Carvalhaes; Relembre cantoras gospel que se separaram

Nos últimos 12 meses, pelo menos 3 cantoras gospel famosas se separaram, dentre elas, um já até casou de novo.


Morre irmã Nelsinha Alves, mãe do presidente da Assembleia de Deus de Pernambuco

Irmã Nelsinha Alves tinha quase 87 anos e dedicou a sua vida inteira a obra de Deus